Professor da Costa Rica ministra palestra em Tangará da Serra



O professor e pesquisador Jorge Arturo Lobo Segura, da Universidade da Costa Rica, ministrou palestra como parte das atividades da disciplina de Biologia Reprodutiva de Angiospermas, no curso de Mestrado do Programa de Pós-Graduação em Genética e Melhoramento de Plantas (PGMP) da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat).

A palestra ocorreu no Campus Universitário de Tangará da Serra no último dia 17, em disciplina coordenada pela professora Celice Alexandre Silva.

A participação do professor Jorge Lobo em disciplinas da Unemat está prevista no Acordo de Cooperação Científica Internacional entre a universidade mato-grossense e a universidade costa-riquenha, firmado no ano de 2014.

Além da participação do professor Jorge Lobo na referida disciplina, a vinda do pesquisador também serviu para a realização de reuniões para discussão sobre o andamento de projetos financiados pelos Governos Estadual e Federal em que ele é membro.

Fonte: Redação RP com Assessoria

Campus da UNEMAT inicia 2º semestre letivo 2015 na próxima semana

As aulas iniciam na terça-feira dia 04 de agosto, de acordo com o calendário acadêmico da instituição. “Na primeira semana, para os calouros, há sempre algumas atividades de recepção, com palestras e explanações. Cada curso faz a recepção. Já para os veteranos as aulas iniciam na terça-feira”, confirmou o Professor Anderson Fernandes, Coordenador do Campus local da Unemat.

Segundo ele, está praticamente tudo organizado para o início do semestre. “Estamos com alguns probleminhas pontuais ainda em relação à contratação de professores, mas 99,9% das aulas iniciam-se na data prevista. Um ou outro profissional ainda teremos que contratar. Aí o acadêmico tem que ver isto com seu curso, se a grade está totalmente preenchida”.

A UNEMAT oferece em Tangará da Serra oito cursos: Ciências Biológicas, Agronomia, Letras, Ciências Contábeis, Administração com Enfoque em Empreendedorismo, Administração com Enfoque em agronegócio, Engenharia Civil e Enfermagem.

Indagado a respeito da vasta área do Campus Experimental da instituição, o coordenador explicou: “Há alguns cursos que não podem ser desvinculados da atividade intrinsicamente prática, como é o caso da agronomia. Não há como concluir, fazer a integralização do curso, fazer com que o acadêmico passe pelas experiências que ele vai encontrar no mercado de trabalho sem a área experimental. A área está localizada nos fundos do Campus e lá temos várias linhagens de plantações e os acadêmicos vão a campo experimentar a rotina do trato daquela espécie”, explicou o coordenador.

Universitários que queiram esclarecer alguma dúvida sobre o retorno à atividade na Instituição podem entrar em contato pelo telefone 3311-4913 ou pelo e-mail coore.tga@unemat.br.

Fonte: Marlenne Maria com Gilvan Melo - Reportagem RP

Taques recebeu reivindicações dos vereadores tangaraenses

Os vereadores tangaraenses se reuniram com o governador Pedro Taques (PDT) na noite de terça-feira, dia 28. Na reunião, realizada na Câmara Municipal de Tangará da Serra, os parlamentares entregaram ao governador uma lista de reivindicações. Entre os pedidos, está a construção e implantação de um Hospital Regional e investimentos em saúde e infraestrutura. 

Em seu discurso, o presidente da Câmara, vereador Romer Japonês (PR), agradeceu a atenção dispensada por Taques e pediu empenho na solução, principalmente, dos problemas relacionados a Saúde Pública. “Sabendo do que o Município está precisando, os vereadores elaboraram um documento e passaram às mãos do governador para que juntos, a Prefeitura, Estado e Assembleia Legislativa, possamos atender aquilo que tanto nossa população precisa”, afirmou Romer Japonês.

No documento, os parlamentares apontaram a necessidade 40 ações do Estado, em seis setores: órgãos estaduais, segurança pública, obras, estradas, saúde e apoio. Os parlamentares reivindicaram estrutura física e de pessoal para a 22ª Ciretran, Indea, Empaer, Regional da Sema, Polo Regional de Saúde, Escola Técnica Estadual e Defensoria Pública Estadual. Também pediram mais efetivo para as polícias Civil e Militar, a construção do Presídio Feminino, Centro de Ressocialização, a construção de uma nova Delegacia de Polícia Civil e de um novo quartel do Comando Regional VII.

Os parlamentares solicitaram ainda a construção de prédios para as unidades estaduais em Tangará, construção de um Centro de Eventos, Estação de Tratamento de Esgoto, mediação e convênio para o funcionamento do Aeroporto Municipal construção de quadras poliesportivas nas escolas estaduais e a conclusão das obras da Feira da Vila Alta.

Entre as solicitações está a pavimentação da MT 339 ligando Tangará da Serra ao Distrito Panorama, da MT 240 ligando Tangará da Serra a Santo Afonso, a restauração das rodovias 246, 343, 358 de Jangada a Itanorte, e o cascalhamento das MTs 358 (no Chapadão do Rio Verde) e 335 entre Tangará e Nova Marilândia.

Os parlamentares também reivindicaram Gestão Plena em Saúde para Tangará da Serra, repasses mensais (como referência regional), medicamentos de alto custo, pagamento dos convênios das UTIs, a reestruturação do Escritório Regional de Saúde, a disponibilização de especialidades médicas para a cidade e a construção e implantação do Hospital Regional; além de apoio para agroindústrias, agricultura familiar, irrigação, avicultura, piscicultura, implantaçãod o Programa Cultivando “Água Boa”, turismo e regularização fundiária urbana e rural.
“O governador recebeu nossos pedidos e se comprometeu a analisá-los. Nós ficamos satisfeitos com a reunião, que contou com a presença de muitas lideranças locais e vamos aguardar a próxima visita do governador para ver aquilo em que seremos atendidos”, afirma Romer Japonês, que avaliou positivamente o encontro entre os vereadores e o governador.

PRESENÇAS - Além dos vereadores e do governador Pedro Taques, também compareceram ao evento o prefeito municipal Fábio Martins Junqueira (PMDB); o deputado estadual Saturnino Masson (PSDB), o deputado estadual Wagner Ramos (PR); o deputado federal Fábio Garcia (PSB); o deputado estadual Eduardo Botelho (PSB); o deputado federal, Ezequiel Fonseca (PP); o secretário de estado das cidades, Eduardo Chilleto e a secretária adjunta da Casa Civil, Paolla Reis.

Marcos Figueiró 
Assessoria de Imprensa

Deputado Saturnino Masson acompanha o Governador Pedro Taques em caravana pelo médio-norte e percorrem dez municípios

O governador Pedro Taques, deputados e secretários de Estado percorreram dez municípios entre os dias 28 e 20 de julho de 2015. Na ocasião Taques anunciou mais obras para a população do Médio-Norte mato-grossense, durante a passagem da caravana Transforma Mato Grosso.

No município de Santo Afonso, Taques firmou compromisso com a comunidade escolar de iniciar a construção de uma quadra coberta ainda neste ano na Escola Estadual Acadêmico Lauro Augusto de Barros. Na mesma unidade, Taques também determinou à Secretaria de Estado de Educação (Seduc) a reforma do banheiro.

Além disso, o governador e o secretário de Cidades, Eduardo Chiletto, assinaram termo de compromisso para obras do centro multiuso, paisagismo da Praça da Bíblia e construção de novas calçadas em Santo Afonso.

Taques também marcou uma reunião com a associação de produtores da região para tratar dos trabalhos para a pavimentação da MT-240, que liga Santo Afonso a Tangará da Serra. "Eu sei que a população precisa muito dessa rodovia, mas sou sincero em dizer que para este ano nós não conseguiremos fazer isso. Mas vamos trabalhar junto com a associação para inserir a rodovia no novo modelo de parceria que iniciamos no Estado", disse.

Em visita ao município de Santo Afonso o Governador avaliou que a rodovia é de extrema importância para o município, tendo em vista que ligam os quase quatro mil habitantes de Santo Afonso ao principal polo da região, que é Tangará da Serra.

De Santo Afonso a comitiva Transforma Mato Grosso seguiu para Arenápolis. Na cidade, o governador anunciou que a Secretaria de Infraestrutura (Sinfra) finalizará a nova ponte sobre o Rio Areia.

Em seguida, o governador foi à Escola Estadual Alfredo de Araújo Granja e conversou com os professores. Taques recebeu as demandas e pediu apoio dos profissionais da educação para transformar o ensino em Mato Grosso. "Quero que vocês tenham a garantia de que todos os acordos firmados serão cumpridos na nossa administração", ressaltou o gestor.

Em ato público, Taques anunciou a retomada de outras obras, como a Feira do Produtor, que está sob responsabilidade da Secid.

Em Denise o Governador vistoriou obras .Cumprindo extensa agenda pela região médio-norte de Mato Grosso, o governador Pedro Taques reafirmou o compromisso de fortalecer a economia do Estado, com foco no cidadão e no desenvolvimento regional.

No ginásio da Escola Municipal Neide de Oliveira Brito, o governador ressaltou que cabe ao Estado dar condições para o cidadão trabalhar. Segundo Taques, o governo já trabalha para encontrar a vocação econômica de cada região. “Algumas regiões de Mato Grosso foram esquecidas ao longo do tempo, mas a nossa administração tem o compromisso de não deixar nenhum mato-grossense para trás”, afirmou.

O prefeito do município, Pedro Tercy, elogiou o trabalho do Governo do Estado e afirmou que as demandas entregues ao governo tiveram respostas rápidas. Ele lembrou que levou ao secretário de Educação, Permínio Pinto, o problema da falta de Ensino Médio em uma escola afastada do centro da cidade. A situação foi resolvida e os alunos estão sendo atendidos.

Na cidade, Taques vistoriou obras de construção de pontes de madeira na MT-241, inaugurou um novo poço artesiano que vai ampliar o abastecimento de água e anunciou a retomada do convênio para a construção do Centro Multiuso.

Já em Nova Olímpia, Taques e a comitiva do programa Transforma Mato Grosso, foram recebidos no Distrito Industrial. Na oportunidade, os empresários da região pediram ajuda para resolver o problema de energia elétrica e regular o funcionamento das indústrias instaladas no município.

Pedro Taques se reúne com vereadores tangaraenses nesta terça-feira, dia 28

A Câmara Municipal de Tangará da Serra recepcionará o governador Pedro Taques (PDT) nesta terça-feira, dia 28. O governador confirmou em sua agenda uma reunião com os vereadores tangaraenses, com a participação do prefeito Fábio (PMDB) e lideranças da cidade. O encontro será no Plenário “Vereador Daniel Lopes da Silva”, na Câmara Municipal, com a participação dos deputados estaduais Saturnino Masson (PSDB) e Wagner Ramos (PR).

“Agradeço aos deputados Wagner e Saturnino, pelo empenho para que este encontro fosse marcado, e ao vereador Vagner Constantino que foi parceiro para que este evento se tornasse realidade e, principalmente, agradeço ao governador pela inclusão da reunião em sua agenda”, explica o presidente da Câmara, vereador Romer Japonês (PR).

Romer lembra que os vereadores são os políticos que mais perto estão do povo e, por conta disso, precisam do contato com o chefe do Poder Executivo estadual. “Fizemos uma programação do evento, de uma forma que todos os vereadores tangaraenses poderão ser ouvidos pelo governador Pedro Taques. E, da mesma forma, ouvir o que ele tem a dizer”, conta o presidente da Câmara.

A reunião terá transmissão ao vivo pela TV a Cabo, no canal 02, e no site oficial da Câmara Municipal de Tangará da Serra (www.camaratga.mt.gov.br) no link “Tv Câmara”. O encontro terá início às 19h30 na Câmara Municipal de Tangará da Serra.

Marcos Figueiró 
Assessoria de Imprensa

Produtores rurais de Tangará da Serra aprovam treinamento promovido pela Iniciativa 2,4-D

Público recebeu informações sobre manejo de resistência de plantas daninhas e o herbicida 2,4-D

São Paulo, 27 de julho de 2015 – Cerca de 30 agricultores da região ouviram atentos às recomendações passadas pelo Professor Doutor da Universidade Estadual de Maringá, Rubem Silvério, durante o treinamento Manejo de Resistência de Plantas Daninhas & 2,4-D realizado em 21 de julho, no Restaurante Ricardo Grill.

Daniel Frasson, que acompanhou o evento, afirmou que o conteúdo da palestra tem potencial para trazer impactos positivos no controle de plantas daninhas nas propriedades da região. “O treinamento foi excelente por tratar de um tema que representa um problema para a região. As explicações sobre as estratégias de controle das plantas daninhas foram fundamentais”, disse.

Rubem Silvério abordou informações sobre o manejo de resistência de plantas daninhas, o papel dos herbicidas e das boas práticas agrícolas no combate deste problema, além de apresentar aspectos técnicos do 2,4-D, como suas características físico-químicas, situação regulatória, estudos de toxicidade, ecotoxicidade e segurança no campo. “A perda de produtividade devido à presença de plantas daninhas que não são controladas pode chegar a 40%. Com o controle incorreto, varia entre 5 e 10%. Uma planta de Buva por m² reduz em até 12% a produtividade – ou seja, 6 sacos por hectare, o que equivale a uma perda de 360 reais”, explica Silvério.

O evento foi realizado pela Iniciativa 2,4-D, grupo formado pelas empresas Atanor, Dow AgroSciences, Adama e Nufarm para gerar informação técnica sobre o uso correto e seguro de defensivos agrícolas, e faz parte do projeto que ministrará mais de 60 cursos sobre Manejo de Resistência de Plantas Daninhas & 2,4-D em parceria com entidades como a Universidade de Passo Fundo (UPF), Universidade Estadual de Maringá (UEM) e Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP). O programa passa por mais de 65 cidades nas cinco macrorregiões do Brasil, de maio a novembro de 2015.

Sobre a Iniciativa 2,4-D

A Iniciativa 2,4-D é um grupo formado por representantes das empresas Adama, Atanor, Dow AgroSciences e Nufarm, que, com apoio acadêmico, tem como propósito gerar informação técnica sobre o uso correto e seguro de defensivos agrícolas, além de apoiar projetos que abordem esta questão, como o Projeto “Acerte o Alvo – evite a deriva na aplicação de agrotóxicos”, realizado no Paraná. O foco é educar o produtor sobre a importância da utilização correta de tecnologias que garantam a qualidade da aplicação dos defensivos agrícolas. O grupo defende que o uso adequado das tecnologias de aplicação e a precaução para evitar a deriva são essenciais para garantir a eficácia e a segurança ambiental na utilização de defensivos agrícolas. A Iniciativa 2,4-D se apresenta como fonte de informação e esclarecimento, que, apoiada por estudos acadêmicos, visa desmistificar o emprego do 2,4-D.

Padroeiros dos motoristas e agricultores são festejados com procissão, missa e almoço

O padroeiro dos Motoristas, São Cristóvão e também o padroeiro dos agricultores, Santo Isidoro, estão sendo festejados neste domingo em Tangará da Serra. Grande número de motoristas participou na manhã deste domingo da procissão e bênção dos veículos.

As procissões saíram de dois pontos: o Posto dos Caminhoneiros e o Posto das Bandeiras, convergindo para o CTG Aliança da Serra, onde foi oferecida a bênção. “A bênção exige bastante e é significativa para todos. Não significa que vai livrar de acidentes. Todos precisam ficar sempre atentos. A gente pede a Deus sob a proteção de São Cristóvão e cada um recebe de acordo com sua fé”, disse o Frei Gilcei Simões dos Santos, um dos religiosos que participou das bênçãos.

A bênção dos veículos foi seguida de celebração de missa e almoço de confraternização.

Fonte: Marlenne Maria com Gilvan Melo - Redação RP

A pedido de Romer Japonês, JBS/Anhambi se reúne com avicultores

Romer Japonês (PR) reuniu diretores da JBS Anhambi e da Associação dos Avicultores de Tangará da Serra (Avitan) na tarde de quarta-feira, dia 22. O presidente da Câmara Municipal agendou a reunião ainda no primeiro encontro que teve com o presidente da unidade da JBS Anhambi, no início do mês. Segundo Romer, o objetivo da reunião é a abertura do diálogo entre a empresa e os avicultores e o esclarecimento de dúvidas.

“Nós estivemos com o presidente da JBS Anhambi na reunião que foi realizada com o prefeito e com alguns vereadores, quando solicitei que se reunisse com os avicultores. E prontamente ele deixou marcado para hoje (quarta, dia 22), quando veio acompanhado do diretor de fomento, ouviu reivindicações nossas por um preço médio por frango, por maior número alojado por aviário. E a resposta que tivemos é que a empresa irá analisar isso, mas que há perspectivas de melhoras”, afirma o vereador Romer Japonês.

Segundo a associação, atualmente a empresa tem fixado o limite máximo de 12,5 aves por metro quadrado de aviário, quando os avicultores defendem que esse número pode ser ampliado. Além disso, atualmente os avicultores recebem entre R$ 0,50 e R$ 0,60 por frango e reivindicam aumento. 

Após o encontro, Rodrigo Souza disse que é intenção da JBS manter a relação de proximidade que a Anhambi construiu ao longo dos anos com os integrados. Rodrigo confirmou que a JBS irá manter a marca Anhambi e, quanto as reivindicações dos avicultores, afirmou que uma nova reunião deve ser realizada nos próximos meses.

“Com a associação foi a primeira reunião que tivemos e foi positiva. Eles tinham muitas dúvidas e abrimos uma janela para, no detalhe, sanar essas dúvidas e mostrar a empresa e os seus objetivos a médio e longo prazo quanto a questões estratégicas de alocação de integrados, de remuneração e quais os padrões da JBS: como ela dirige sua orientação quanto aos integrados. (...) Falamos para eles os objetivos da empresa na região, que a gente trabalha sim para melhorar condições de ambiência e em muitos casos aumentar o volume de aves fornecidas, num esforço conjunto para a sociedade crescer, a empresa crescer, a cidade crescer e as pessoas crescerem”, disse Rodrigo Souza.

PRÓXIMA REUNIÃO – Segundo Romer Japonês, no encontro ficou definido que em dois meses uma nova reunião será realizada. “O Rodrigo nos deixou tranqüilos e eu, enquanto avicultor e preocupado com os avicultores, fiz questão que eles, através da associação, ouvissem do próprio presidente da unidade da JBS Anhambi, aqui em Tangará da Serra, as informações, os esclarecimentos e a mensagem de que a empresa veio para somar”, concluiu Romer Japonês.

Marcos Figueiró 
Assessoria de Imprensa

Sommavilla sugere aquisição de área para Programa de Desenvolvimento Econômico

Sílvio José Sommavilla (PV) sugeriu esta semana ao Executivo Municipal a aquisição de uma área de terra para a implantação do que chamou de “um audacioso programa de desenvolvimento econômico de Tangará da Serra”. O vereador justificou a proposta afirmando que o objetivo é fomentar a expansão de empreendimentos existentes e estimular a atração de novos empreendimentos para a cidade.

“O fim prioritário é gerar novos empregos e renda”, defende Sommavilla ao explicar que quando o Município oferecer aos investidores reais condições para a aquisição de imóveis, mais empreendimentos serão ampliados e abertos. Os imóveis, diz o vereador, podem inclusive ser utilizados como garantia, se for necessário.

A intenção com a aquisição dessa área, segundo o parlamentar, é a criação de um novo parque empresarial, com política tributária atraente. “Isso se faz necessário no município, pois atualmente [Tangará da Serra] não tem atraído satisfatoriamente os empreendimentos a altura da expectativa e vocação da cidade nos últimos tempos”, lamenta Sommavilla.

O vereador lembra ainda que hoje Tangará se destaca no cenário estadual, chegando a quinta posição em nível populacional. Apesar disso, reclama Sommavilla, a cidade não necessariamente detém essa posição em termos de interesse em investir, o que exige medidas inovadoras por parte do poder público municipal.

Marcos Figueiró 
Assessoria de Imprensa

Cearpa realiza doação de 10 mil ao Lar do Idoso

O Lar do Idoso recebeu o valor de 10 mil reais em materiais de pintura

No último dia 21 pela manhã, os moradores do Lar do Idoso receberam uma bela surpresa, foram agraciados com uma doação significativa.

Dessa vez, a doação foi efetuada pelo Conselho Estadual das Associações de Revenda de Produtos Agropecuários de Tangará da Serra (Cearpa).

De acordo com Sidnei Schaffer, engenheiro Agrônomo da Cearpa, o conselho têm como um dos muitos de seus objetivos, o de ajudar entidades do município. “Somos uma associação e sempre que podemos, procuramos ajudar as instituições de Tangará, e dessa vez, a beneficiada foi o Lar do Idoso”, disse Sidnei, explicando que essa é apenas uma das várias doações já realizadas pela Cearpa. “Como somos uma associação, nossos associados pagam uma mensalidade todos os meses, e é assim que conseguimos realizar as doações, pois nosso objetivo é também colaborar para que a vida dos moradores das instituições de nossa cidade seja um pouco mais cômoda e agradável”, esclareceu o engenheiro. 

Na doação realizada ontem, o Lar do Idoso recebeu o valor de R$10 mil em materiais de pintura, que era uma das necessidades da casa, que há alguns dias procurava parcerias para realizá-la, como esclarece Lucili Cavalari, vice-presidente do lar. “Há tempos vimos a necessidade de fazer melhorias na casa, mas como dependemos e muito de doações para saldar as finanças, isso parecia distante, mas fomos agraciados com essa doação significativa, que nos encheu de alegria, pois agora poderemos realizar as melhorias necessárias”, finalizou Lucili. 

Fonte: Rosi Oliveira - Redação DS

Tangará da Serra sediará Seminário sobre Educação Inclusiva

O objetivo do evento é promover discussões referentes à modalidade da Educação Inclusiva

No próximo dia, 24, nas dependências da Universidade de Cuiabá (UNIC), acontecerá o VII Seminário Municipal de Educação Inclusiva e IV Semana Pedagogia em Ação, que abordará o tema “Acessibilidade”. O evento será realizado pela secretaria Municipal de Educação e Cultura de Tangará da Serra, em parceria com a Unic.

Na oportunidade estarão presentes os palestrantes: Dr. Jaime Zorzi, Angela Alves, José Romildo Magalhães, que ministrarão sobre acessibilidade .

O objetivo do evento é promover discussões referentes à modalidade da Educação Inclusiva e oportunizar aos participantes a garantia do diálogo, a troca de experiências e o aprofundamento da teoria, favorecendo a consolidação dos conhecimentos e a integração do grupo.

A programação inicia-se no dia, 24, às 19hs, na Unic e em todas as cinco noites haverão palestras relacionadas ao tema, com início no dia 24/08/2015, segunda-feira.

Abertura: Hino Nacional em Libras- Fala das autoridades e Curso Drº Jaime Zorzi ( Unicampi) Compreendendo os transtornos de aprendizagem: Como podemos atuar para facilitar o aprendizado da leitura e da escrita, em ambiente educacional e clínico.

Prosseguindo no dia 25/08/2015, Terça-feira, continuação do curso Drº Jaime Zorzi.

Já no dia 26/08/2015 Quarta-feira, Curso: Transtornos do déficit de atenção e Hiperatividade-TDH/TDO, diagnóstico, comorbidade e medicamentos. Angela Alves, José Romildo Magalhães. No dia, 27/08/2015, quinta-feira, curso:Olhar da escola com TDH/TDO, e no último dia, 27/08/2015 sexta-feira, curso: características positivas do comportamento (depoimentos), continuação do curso; trabalhos complementares, apresentação e discussões de estudos de casos.

Fonte: Rosi Oliveira - Redação DS

Organizadores ultimam preparativos para escolha da Rainha e Princesas da Exposerra

Foi realizado na noite desta terça-feira (21) mais um ensaio das candidatas à rainha e princesas da Exposerra 2015. As candidatas estão ensaiando de 3 a 4 horas por dia. “Isso porque no dia do evento tem que estar tudo certo”, explica Elis Regina, Diretora da Revista Imagem, integrante da comissão organizadora do evento.

Ela explica que o corpo de jurados será composto por sete pessoas e vai avaliar a beleza, a simpatia e aquela que mais se encaixa no perfil country. “As meninas estão ensaiando diariamente há cerca de 30 dias. Ainda faltam alguns detalhes, mas até o dia do baile estará tudo ajustado”, destaca Elis.

O baile acontecerá no dia 1º de agosto no Tangará Tênis Clube, a partir das 21h30min. Segundo Elis, 90% das mesas já estão vendidas. Quem tiver interesse pode entrar em contato através do telefone 9902-8011.

Elis Regina ressalta a importância do evento: “A festa de rodeio não é a mesma sem a rainha e as princesas, porque elas vão marcar presença durante as cinco noites, visitando estandes, camarins, assistir aos shows e fazer a abertura e encerramento e o rodeio”.

Em entrevista à Rádio Pioneira, ela também agradeceu a parceria com o Sindicato Rural e também as famílias das candidatas, que tem acompanhado os preparativos. Neste ano 14 candidatas foram selecionadas entre 78 que se inscreveram para concorrer ao título.

Fonte: Marlenne Maria com Franchescolly Gomes - Redação RP

Rodovia MT-358 poderá levar o nome "Olacyr Francisco de Moraes"

 Localizada entre os municípios de Barra do Bugres e Comodoro,  a MT é uma das principais rodovias de escoamento da produção de grãos do Estado.

De acordo com o projeto de Lei, de autoria do deputado Saturnino Masson (PSDB), o trecho da rodovia MT-358, compreendido entre os municípios de Barra do Bugres e Comodoro, com 350 km de extensão, poderá levar o nome de "Olacyr Francisco de Moraes". O empresário  morreu aos 84 anos no dia 16 de junho de 2015, em São Paulo. Ele lutava contra um câncer de pâncreas descoberto no início de 2014.

Embora tenha ficado famoso pelo título de “O Rei da Soja”, Olacyr de Moraes já estava há anos afastado do agronegócio. Durante sua carreira de empreendedor, chegou a ter mais de 40 empresas nos setores agrícolas, de construção civil e exploração de minérios.

Em 1979, Olacyr construiu a empresa Usinas Itamarati S/A, proprietária de 100.000 há de terras no estado de Mato Grosso, cultivando principalmente cana-de-açúcar em terras próprias e de terceiros.

Anos depois, a Usinas Itamarati produziu sozinha acima de sete milhões de toneladas de cana que resultaram em mais de 6,3 milhões de sacos de açúcar, 211 milhões de litros de álcool anidro e 128 , milhões de litros de álcool hidratado, tornando-se assim a primeira empresa no mundo em quantidade de cana esmagada por safra.

Saturnino afirma que Olacyr de Moraes fez investimentos em vários setores da economia mato-grossense. "O empresário contribuiu e muito não só com a economia do Estado, mas também com o Brasil. Foi um dos maiores incentivadores da construção da Ferronorte, umas das obras mais importantes e corredor de escoamento de grãos produzidos na região Norte e Centro-Oeste do Brasil, para o porto de Santos em São Paulo", declarou o parlamentar.

Fonte: ROSANGELA MILLES/Assessoria de Gabinete

Empresários discutem abertura do comércio em horário especial em Tangará da Serra



O tema esteve em pauta mais uma vez em reunião ampliada na manhã desta quinta-feira (16) na sede da ACITS. O presidente da ACITS – Associação Comercial e Empresarial de Tangará da Serra, Vander Masson explicou que os dois Sindicatos [dos empregados e patronal] são os legítimos representantes das categorias, mas destacou que a discussão do assunto foi um pedido de associados da entidade.

“Nós, enquanto associação, recebemos alguns pedidos de empresários que gostariam que o comércio tivesse uma flexibilidade no atendimento. Queremos que venham mais empresas para Tangará porque vai gerar mais empregos, mais renda. Vindo mais empresas, nos fortaleceremos também no âmbito regional. E, para mantermos esta condição de cidade polo, temos que oferecer serviços diferenciados visando atrair os consumidores que poderão fazer suas compras em horário especial”, destacou Vander Masson.

Ele ressalta que é preciso tratar com muita atenção e respeito às questões ligadas aos trabalhadores e há também a legislação que precisa ser readequada. A Convenção coletiva firmada entre os dois sindicatos também é citada pelo presidente da ACITS, porque é justamente o documento que vai regulamentar esta atividade em horário especial. “O desejo dos empresários é que construamos uma flexibilidade para o empresário trabalhar. Há empresas que precisariam ficar abertas até as 19h00min e no sábado à tarde. Este seria o maior desejo neste momento”.

Ele ressaltou mais uma vez que o objetivo é facultar a abertura e não obrigar. “Só temos que dar oportunidade ao empresário que quer crescer com Tangará que está em um momento importante, superando a casa dos 100 mil habitantes. Estamos nos consolidando como polo e precisamos rever este pensamento que temos até então. As cidades polo estão evoluindo e temos que nos enquadrar neste novo modelo já vigente em grandes centros e temos a possibilidade de trabalhar desta forma. É isto que o empresário quer. Mas é preciso trabalhar isto junto com os funcionários também”.

O resultado das discussões deverá agora ser apresentado aos Sindicatos dos Empregados e dos Empregadores, para que a proposta seja encaminhada ao Executivo e Legislativo. “Acreditamos que esta proposta vai beneficiar toda a comunidade. Claro que o funcionário às vezes pode ver desvantagens, mas terá também um período livre na semana pra fazer o que precisar ou quiser. Nós vamos buscar este entendimento, esta conscientização da importância desta mudança para que Tangará se consolide como polo”, afirma Vander Masson.

Masson ressaltou ainda que é importante lembrar que as leis trabalhistas precisam ser respeitadas em todo o processo.

Fonte: Marlenne Maria com Gilvan Melo - Redação RP

FALA EMPRESÁRIO visita nova distribuidora de refrigerantes em Tangará

O projeto Fala Empresário desenvolvido pela Prefeitura Municipal de Tangará da Serra através da Secretaria Municipal de Indústria Comércio e Serviços (SICS) visitou a indústria e distribuidora de refrigerantes Dydyo que acaba de se instalar no Município gerando novos empregos para os tangaraenses.

Em Tangará da Serra a Dydyo já gera 17 empregos diretos com previsão para gerar 80 dentro de um ano, de acordo com seus diretores Orestes Muniz que é o presidente da empresa, Gerson Nava, diretor industrial e Cley Muniz que é diretor comercial. “Mais uma fonte geradora de emprego e renda para o tangaraense. Fiquei muito feliz com a implantação d mais essa importante empresa em nossa cidade”, destacou o Prefeito Fábio Junqueira que esteve acompanhado do Secretário Fernando Ambrosio durante a ação do Fala Empresário.

A Dydyo conta com seu laboratório instalado em Porto Velho, Rondônia e atualmente recicla pets numa proporção superior a três vezes o que coloca no mercado, reciclando o que produz e ainda materiais de outras industrias. “Ao todo reciclamos 10 milhões de pets por mês e possuímos certificado internacional de reciclagem”, destacaram os diretores.

Fonte: Assessoria de Imprensa

IFMT de Tangará abre amanhã inscrições da Jornada Científica

Diretor do IFMT Tangará da Serra, Gilcélio Peres

O Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT), campus avançado de Tangará da Serra, lançará amanhã, dia 17 de julho, o site oficial da I Jornada Científica, oportunidade em que também será aberta as inscrições para a comunidade interessada participar do evento. De acordo com o diretor da instituição, Gilcélio Peres, a população poderá se inscrever em minicursos, oficinas, palestras e mesas redondas que farão parte da programação, que acontecerá de 18 a 21 de agosto. “Qualquer pessoa pode participar, independente do nível de escolaridade. Os minicursos, oficinas e palestras abordarão inúmeras áreas, desde tecnologia até gestão ambiental”, comentou o diretor, ao destacar que as inscrições são totalmente gratuitas.

Gilcélio ainda informou que o evento contará com renomados palestrantes e professores, dentre eles uma professora que é reconhecida pela Organização das Nações Unidas (ONU). “Teremos a presença da professora Sandra, do IFMT de Várzea Grande, que ficou bem conhecida após uma pesquisa de como aproveitar a água de ar condicionado, que foi noticiado inclusive no Jornal Nacional. Ela é uma pesquisadora premiada pelo Onu e está entre as 100 melhores Engenheiras Civis do Brasil”, lembrou Peres.

Além da vasta programação, a I Jornada Científica do IFMT em Tangará disponibilizará estandes para exposição de trabalhos e área para vendas de livros, que serão comercializados em preço acessível.

Jornada contará com professor que trabalhou para o Vaticano

Dentre os inúmeros profissionais que atuam em diversas áreas da educação em todo o Brasil, o professor Cícero Moraes, que já foi contratado pelo Vaticano para fazer reconstituição de estudos, estará em Tangará da Serra participando do I Jornada Científica do Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT). De acordo com o diretor da instituição, Gilcélio Peres, recentemente Cícero participou do programa Fantástico, da Rede Globo, falando sobre reconstrução em 3-D. “Ele é renomado internacionalmente, alguém que tem experiências bacanas para contar para nós”, comentou Gilcélio, destacando ainda que além de Cícero e Sandra (citada na reportagem acima), a I Jornada do IFMT contará com outros importantes nomes do Estado de Pernambuco, além de profissionais locais da Universidade de Mato Grosso (Unemat) e do IFMT.

“Teremos uma variedade de palestras gratuitas, então desde já contamos com a presença da população”, convidou Gilcélio.

Fonte: Rodrigo Soares - Redação DS

Saturnino quer suspensão de pagamento de energia elétrica aos desempregados

Para ter direito a esta moratória, o beneficiário deverá comprovar, mensalmente, junto a ENERGISA, a sua situação de desempregado e que recebiam em até 1 salário mínimo por mês.

O projeto de Lei de autoria do deputado Saturnino Masson (PSDB), dispõe sobre o fornecimento de energia elétrica aos trabalhadores que ficarem comprovadamente desempregados, somente poderá ser suspenso por parte da ENERGISA Mato Grosso Distribuidora S/A, após três meses em atraso no pagamento dos respectivos débitos. O prazo do benefício poderá ser prorrogado pela Concessionária por mais três meses, no caso do beneficiário e os demais moradores do imóvel permanecerem desempregados.

Para ter direito a esta moratória, o beneficiário deverá comprovar, mensalmente, junto a ENERGISA, a sua situação de desempregado, através da Carteira Profissional de Trabalho e dos documentos que comprovam o recebimento mês a mês do benefício do Seguro Desemprego até a sua última parcela. Esta Lei visa beneficiar os desempregados, que recebiam em até 1 salário mínimo por mês.

O benefício somente poderá ser concedido ao requerente que comprovar não haver outro morador no imóvel apto a arcar com o pagamento das contas de energia elétrica. Vencido o prazo de três meses, o benefício cessará, obrigando-se o devedor a negociar com a ENERGISA o parcelamento da dívida. 

Romer avalia positivamente primeiro semestre na presidência da Câmara

Romer Japonês (PR) fez discurso de agradecimento na sessão legislativa de ontem. O presidente da Câmara Municipal avaliou positivamente seus primeiros meses a frente do Poder Legislativo de Tangará da Serra, fez agradecimento público aos vereadores, servidores, assessores, à imprensa e à população em geral pelo apoio recebido.

“Mostramos que é possível sim trabalhar Câmara e Executivo juntos, que é possível trabalhar com harmonia e união em favor da cidade, em favor dos projetos que a população espera do poder público. Trabalhamos com transparência, com apoio dos nossos servidores, dos nossos vereadores, da imprensa e da população tangaraense”, afirmou o presidente da Câmara, vereador Romer Japonês.

Para o próximo semestre, Romer disse esperar o mesmo empenho e dedicação. “Temos vários projetos em andamento, a questão da construção do novo prédio da Câmara, projeto em que temos tido respaldo do Poder Executivo, e temos ainda mais trabalho, que será desenvolvido em conjunto por todos os vereadores”, concluiu.

TRABALHO – O presidente da Câmara também enalteceu o trabalho dos vereadores tangaraenses. Romer Japonês lembrou que somente no primeiro semestre os parlamentares realizaram 26 sessões entre ordinárias e extraordinárias, além de audiências públicas e sessões solenes. Além disso, os vereadores votaram cerca de 90 projetos entre propostas encaminhadas pelo Poder Executivo e propostas de autoria dos próprios parlamentares.

“Os vereadores produziram mais de 100 requerimentos e mais de 800 indicações, sobre os mais diversos assuntos, atendendo a população e levando as informações ao conhecimento do Poder Executivo, auxiliando e demonstrando a necessidade de ações em todos os setores da cidade”, afirmou Romer Japonês.

RECESSO – Em conformidade com o artigo 45 da Lei Orgânica Municipal, o Poder Legislativo Municipal de Tangará da Serra entra em recesso parlamentar no próximo dia 18. Durante o recesso parlamentar o Legislativo terá horário especial de atendimento. Entre os dias 20 e 31 de julho, a Câmara Municipal atenderá o público das 7h às 13h, em acordo com o que estabelece o Decreto Legislativo 728. 

Marcos Figueiró 
Assessoria de Imprensa

Iniciativa 2,4-D realiza treinamento em Tangará da Serra

A Iniciativa 2,4-D, grupo formado pelas empresas Adama, Atanor, Dow AgroSciences, e Nufarm com o objetivo de gerar informação técnica sobre o uso correto e seguro de defensivos agrícolas, realiza um treinamento para produtores rurais de Tangará da Serra, no dia 21 de julho. O curso Manejo de Resistência de Plantas Daninhas & 2,4-D, ministrado pelo Professor Doutor da Universidade Estadual de Maringá, Rubem Silverio, abordará informações sobre o manejo de resistência de plantas daninhas e o papel dos herbicidas e das boas práticas agrícolas no combate deste problema, além de apresentar aspectos técnicos do 2,4-D, como suas características físico-químicas, situação regulatória, estudos de toxicidade, ecotoxicidade e segurança no campo.

Segundo a coordenadora da Iniciativa 2,4-D, Ana Cristina Pinheiro, o principal objetivo é divulgar conhecimento técnico sobre o herbicida e as boas práticas agrícolas na aplicação. “Acreditamos que assim poderemos auxiliar na capacitação dos produtores, técnicos, operadores de equipamentos, com conceitos das boas práticas agrícolas, para gerar benefícios para toda a sociedade, implementando o conceito de sustentabilidade no uso de defensivos agrícolas”, explica.

Os eventos fazem parte do projeto que ministrará mais de 60 cursos sobre Manejo de Resistência de Plantas Daninhas & 2,4-D em parceria com entidades como a Universidade de Passo Fundo (UPF), Universidade Estadual de Maringá (UEM), Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP) e Embrapa Soja. O programa passa por mais de 65 cidades nas cinco macrorregiões do Brasil, de maio a novembro de 2015.

SERVIÇO

Treinamento manejo de resistência de plantas daninhas e o herbicida 2,4-D
Data: 21/7/2015.
Horário: 19h00.
Local: Restaurante Ricardo Grill - Av. Brasil, 1080 - Tangará da Serra – MT.
Vagas Limitadas.


Fonte: ML&A Comunicações

Empresários discutem nesta 5ª-feira a abertura do comércio em horário alternativo

A reunião acontecerá na manhã desta quinta-feira (16) às 08h00min da manhã no auditório da ACITS. O presidente da entidade, Vander Masson explica que o encontro visa ampliar a discussão do assunto que está em pauta já há algum tempo. “Alguns empresários tem procurado a Associação já desde anos anteriores, buscando a possibilidade de abrir o comércio em horário especial, com flexibilidade como acontece em cidades polo, como Sinop e Rondonópolis, por exemplo,”, disse.

Segundo o presidente, a mudança depende de dois fatores: de uma lei municipal que autorize esta abertura em horário especial e da negociação no acordo coletivo com o Sindicato dos Trabalhadores.

Vander destacou que atendendo a reivindicação de vários empresários, já foi realizada reunião preliminar sobre o tema. “Agora queremos ampliar esta discussão para todos os empresários de Tangará que tenham interesse em opinar sobre o assunto para que saiamos dali com uma proposta para apresentar ao Executivo. Ressalto que toda a classe empresarial está participando, inclusive a CDL. É uma reunião para todo o empresariado, independente de ser associado ou não”.

Ele destacou que se for aprovada a alteração, o horário especial será facultativo. “Todos os empresários estão convidados a participar conosco. Mas, ressaltamos mais uma vez, que se esta lei for para a Prefeitura ou para a Câmara, ninguém é obrigado a abrir em horário especial”.

Feira Ponta de Estoque: Indagado sobre o evento que aconteceu na última semana, Vander Masson fez uma avaliação muito positiva. “Quem passou por lá viu a quantidade de pessoas que foram até a feira e fizeram as compras. Os empresários ficaram todos satisfeitos. De maneira geral, os empresários ficaram neste ano mais satisfeitos que nos anos anteriores, com resultados melhores”.

Fonte: Marlenne Maria com Heverton Luiz

Recesso parlamentar em Tangará começa no próximo dia 18

A 24ª sessão ordinária foi a última antes do recesso parlamentar deste ano

Em atendimento ao que dispõe o artigo 45, da subseção I, seção VI da Lei Orgânica Municipal, o Poder Legislativo Municipal de Tangará da Serra entra em recesso parlamentar no próximo dia 18. De acordo como texto da Lei Orgânica, a Câmara se reúne entre o dia primeiro de fevereiro e 17 de Julho e o dia primeiro de Agosto e 22 de dezembro – Redação dada pela Emenda 54, de 03 de abril de 2007.

A 24ª sessão ordinária, que foi realizada nesta terça-feira, dia 14, foi a última antes do recesso parlamentar deste ano. Depois disso, os vereadores voltam a se reunir – a não ser em caso de sessão extraordinária – somente no dia 4 de agosto. Até lá, a Câmara terá apenas atendimento administrativo.

E durante o recesso parlamentar o Legislativo de Tangará da Serra terá horário especial de atendimento. Entre os dias 20 e 31 de julho, a Câmara Municipal atenderá ao público das 7h às 13h, em acordo com o que estabelece o Decreto Legislativo 728, de 07 de julho de 2015, assinado pelo presidente da Casa, vereador Romer Japonês (PR) e o primeiro secretário, vereador Professor Sebastian (Pros).

TRABALHO - Este ano o Legislativo tangaraense realizou, até agora, 23 sessões ordinárias, duas sessões extraordinárias e votou mais de 60 projetos de autoria do Poder Executivo Municipal e doze projetos de autoria de vereadores ou da Mesa Diretora da Câmara. Além disso, os vereadores produziram mais de 100 requerimentos e mais de 780 indicações, isso até a realização da 23ª sessão ordinária.

Fonte: Marcos Figueiró - Assessoria de Imprensa

Escola João Batista desenvolve projeto para incentivar a leitura

“Hoje há uma certa disputa entre as turmas, uma não quer perder para a outra”, diz professora

Com o objetivo de desenvolver uma educação comprometida com um ensino de qualidade, a Escola Estadual Professor João Batista têm desenvolvido com os alunos o projeto de leitura “Da Emoção de Ler a Descoberta do Prazer”, como explica a coordenadora, Elaine Jocelyn dos Santos. “Desenvolvemos o projeto com objetivo de criar nos alunos o hábito da leitura, para que eles possam ler não somente os livros, mas também o mundo que os rodeia, pois através da leitura abrimos nossas mentes e sentidos pra uma compreensão mais acentuada do meio em que estamos inseridos”, disse Elaine. “Temos percebido que o projeto não é nosso, pois toda a ser se envolveram,especialmente os pais, que são nossos aliados valorosos em casa. Eles têm sido fundamentais nesse processo, porque passam a maior parte do tempo com as crianças, e quando se envolveram o projeto saiu do papel e ganhou vida”, emocionou-se a coordenadora.

O projeto começou em séries específicas, mas por ser de grande valor logo tomou corpo, e agora está implantado do 1º ao 5º ano, o que melhorou demais a compreensão dos alunos, como explica a professora, Siurlanda de Jesus Brito Lojol, uma das idealizadoras do projeto. “ Esse ano tivemos a oportunidade de juntar todas as turmas, o que acabou incentivando as crianças a ler, pois hoje há uma certa disputa entre as turmas, uma não quer perder para a outra e isso acaba acelerando o hábito e fazendo com que ele se torne cotidiano e eficaz, pois no começo haviam os que faziam corpo mole, mas hoje vejo a superação, seja na fala, ou na escrita, e vemos que estamos no caminho certo”, afirmou a professora.

Campus da Unemat Tangará poderá ter Restaurante Universitário

No município, a universidade é localizada fora do perímetro urbano, motivo este que obriga os acadêmicos, professores e funcionários a se locomoverem até a cidade constantemente, para fazer suas refeições.

O deputado Saturnino Masson (PSDB) fez indicação ao governo do Estado para implantar o Restaurante Universitário- RU, no Campus Universitário de Tangará da Serra. A Unemat no município é localizada fora do perímetro urbano, motivo este que obriga os acadêmicos, professores e funcionários a se locomoverem até a cidade constantemente para fazer suas refeições, utilizando assim, uma rodovia que possui grande tráfego e que coloca em risco a vida dos mesmos. 

O Campus Unemat de Tangará tem cerca de mil e duzentos universitários em 8 cursos de graduação, além de mestrados e Centro de Pesquisas. De acordo com a indicação, o RU – poderá dar uma melhor qualidade de vida, conforto e economia aos estudantes, professores além que poderão fazer suas refeições no próprio Campus da Unemat.

MIRANTE CAMPING E LAZER



DESCRIÇÃO: Trilhas na Mata - Lagos e Bosque - Estacionamento - Camping Gramado - Estrutura Sanitária - Praça de Recreação - Cozinha e Lanchonete - Piscina Adulta e Infantil - Quadra de Voley de Areia - Campo de Futebol Iluminado - Quiosque Coberto para 50 pessoas.

LOCALIZAÇÃO: MT 358 Km 22 - Altos da Serra Tapirapuã - Tangará da Serra - MT

CACHOEIRAS DO JUBA

LOCALIZAÇÃO: Próximo a Gleba Triângulo, a via de acesso utilizada é a estrada do Distrito São Jorge, as cachoeiras do Juba 0 são formadas pelo Rio Juba e contem quatro quedas espaçadas intercaladas por poços com água transparente.
Além das belezas naturais que o local dispõe como uma sequência de cachoeiras formando um espetáculo sem igual é possível praticar esportes radicais como Caiaque Radical e Mergulho. Também neste rio se encontram duas hidroelétricas - Juba I e II, usinas estas de baixo impacto ambiental. A visita é permitida somente com a autorização da Usina Brennand.



CACHOEIRA CORTINA DA ONÇA

LOCALIZAÇÃO: A 120 km do centro da cidade em uma propriedade particular localizada junto a Serra do Parecis, a Cachoeira da Cortina da Onça é um ótimo cenário para quem gosta de desfrutar de muita aventura e de uma paisagem encantadora. Na cachoeira é possível realizar o cascading de aproximadamente 80 metros, onde também se encontram grutas (É um dos maiores rapel em cachoeira do estado de Mato Grosso).

CONTATO: (65) 9968 5395 – Operadora de Aventura

CACHOEIRA E MIRANTE MINA AZUL

DESCRIÇÃO: Cachoeira formada pelo rio que nasce 2 km antes de cair na serra. Mirante na Serra Tapirapuã, com vista de todo vale, podendo avistar a Usina Itamarati e a cidade de Nova Olímpia.

LOCALIZAÇÃO:  Sítio Mina Azul de propriedade do Sr. Ivo Rocha.

ACESSO: MT 358, antes de chegar ao Distrito de Progresso, entra a direita em frente a estrada da Pecuama, indo até o final da estrada vicinal, após passar por uma lagoa que é nascente do rio, seguir até a última propriedade. Distância do Centro: 17 Km Horas/Minutos: 20 minutos

CONTATO: Sr. Ivo Rocha.

Diretor garantiu manutenção da unidade Tangará, registra Romer Japonês

Romer Japonês (PR) registrou a informação de que a unidade de Tangará da Serra da JBS/Seara terá seu funcionamento mantido. A confirmação veio em resposta a uma pergunta feita pelo presidente da Câmara Municipal, durante a reunião com o diretor Rodrigo Souza.

“Sou avicultor e conheço de perto a preocupação dos avicultores de Tangará da Serra. Então perguntei ao presidente da unidade se a intenção era de fechar ou manter, e se há intenção de ampliar. E ele foi muito claro em dizer que a JBS/Seara está muito otimista com Tangará da Serra, pois tem mão de obra, o milho é um dos mais baratos. Então, estão muito animados e as perspectivas são as melhores possíveis para Tangará da Serra”, disse Romer Japonês.

Ao presidente da Câmara Municipal, o diretor presidente da unidade, Rodrigo Souza, confirmou o funcionamento e anunciou que a JBS/Seara tem, inclusive, pretensão de ampliar a unidade (Anhambi) de 80 mil aves abatidas por dia para 120 mil aves/dia no mais curto prazo possível.

“Só de já estarem contratando já demonstra o interesse em Tangará. E contratando novos técnicos, isso vai refletir na avicultura das pequenas propriedades. Eles querem é investir (...) Não haverá fechamento de aviários antigos, nem muito menos da empresa. Eles querem é aumentar o número de barracões, pretendem exportar frangos e, futuramente, pretendem produzir a linha de embutidos aqui em Tangará, o que vai gerar ainda mais empregos”, avalia Romer.

Marcos Figueiró 
Assessoria de Imprensa

Em reunião com Junqueira e Romer Japonês, JBS/Seara confirma aquisição da Anhambi

Em reunião com o prefeito Fábio Junqueira (PMDB), com o presidente da Câmara Municipal de Tangará da Serra, vereador Romer Japonês (PR) e com o secretário municipal de Indústria e Comércio Fernando Ambrósio, o presidente da unidade da JBS/Seara em Tangará da Serra, Rodrigo Souza, confirmou a aquisição do frigorífico de aves Anhambi. A reunião contou com a presença dos vereadores Rogério Silva (Pros), Zedeca (PMDB), Wellington Bezerra (PR) e Niltinho do Lanche (Pros) e do representante da Empaer Antonio Versiano Neto.

Ao prefeito, secretário e vereadores, Souza também anunciou que a JBS/Seara irá às instituições financeiras com o objetivo de buscar linhas de crédito para a ampliação do número de aviários em Tangará da Serra. Hoje são cerca de 250 aviários e a empresa tem pretensão de que este número chegue a 300 aviários, para que seja possível o atendimento a ampliação do abate de aves.

Segundo Rodrigo Souza, a Anhambi é a primeira plataforma que a JBS/Seara está adquirindo em Mato Grosso e a empresa está otimista com Tangará da Serra e a região. Romer Japonês ainda elogiou a iniciativa da JBS/Seara de buscar proximidade com os poderes Executivo e Legislativo da cidade e com os avicultores.

“O diretor deixou bem claro que os valores da empresa são planejamento, determinação, disciplina, disponibilidade, franqueza e simplicidade. E nós vimos no novo presidente, uma pessoa muito jovem, mas preparada. E estamos mais tranqüilos, porque ouvimos que essa relação de proximidade, que a Anhambi construiu com os avicultores nestes últimos 20 anos, será mantida”, afirmou Romer Japonês.

Assessoria de Imprensa

Aberta a 10ª Conferencia Municipal de Saúde de Tangará da Serra

Com o tema "Saúde Pública de qualidade para cuidar bem das pessoas. Direito do Povo Tangaraense", foi aberto ontem a noite 09/07 nas dependências do auditório de OAB, a 10ª Conferencia Municipal de Saúde de Tangará da Serra.

Fizeram-se presentes, Prefeito Municipal de Tangará Fábio Martins Junqueira, Secretário Municipal de Saúde Itamar Martins Bonfim, Presidente do Conselho Municipal de Saúde Rômulo César Ribeiro, os Vereadores: Romer Japonês, Prof. Sebastian, Silvio Sommavilla e Ronaldo Quintão, representando o Poder Legislativo, representante do Ministério Público, do Escritório Regional de Saúde, da UNEMAT, Conselheiros, Delegados e Servidores da Saúde do município de Tangará da Serra.

O Prefeito Fábio Junqueira usou da palavra e ressaltou o esforço que sua administração tem dispensado para a melhoria da saúde de Tangará da Serra. Já o Presidente do Conselho Municipal Rômulo César Ribeiro, destacou a realização das pré-conferencias realizadas entre os dias 24/06 e 03/07/2015. Para o Vereador Prof. Sebastian, Presidente da Comissão de Saúde, Assistência Social, Cidadania e Direitos Humanos, a população necessita participar mais dos debates que são realizados, pois só assim teríamos uma população mais consciente dos seus direitos adquiridos.

A Fanfarra da Escola Raio da Sol da APAE, realizou uma apresentação com seus alunos e as funcionárias do CAPS fizeram uma apresentação de dança.

O Secretário de Saúde Itamar Bonfim exibiu um vídeo que retratou os avanços realizados pela atual Administração Municipal na área da saúde.

Ao final foi servido um coquetel aos presentes.

Para hoje 10/07 a partir das 7,30 hs. serão realizadas palestras com diversos participantes, e no horário vespertino debates, com sugestões, reinvidicações e reclamações que servirão de  pauta para a elaboração de um documento a ser apresentado na Conferência Estadual de Saúde de Mato Grosso.

Fonte: Humberto Ferreira - Da Redação

Casa do Adolescente realiza Bazar Solidário no próximo sábado

O objetivo do basar é ajudar na manutenção da instituição

No próximo sábado, 11 de julho, a Casa do Adolescente de Tangará da Serra realizará mais um Bazar Solidário a partir das 9h com término previsto às 16 horas, nas dependências da Casa, localizada atrás da Vila Olímpica. Segundo a coordenadora da instituição, Marilene da Luz Oliveira, o objetivo do Bazar é angariar fundos para colaborar na manutenção da Casa. “Este é o sexto bazar que estamos realizando e o quarto que está sendo feito dentro da Casa do Adolescente. Essas ações são muito importantes para ajudarmos com as despesas da Casa, visto que a instituição é filantrópica, não governamental e sem fins lucrativos, que se mantém com a ajuda do município, doações e de eventos como estes”, explicou a coordenadora.

Marilene informou ainda que esta edição do bazar traz muitas novidades, inclusive roupas novas que foram doadas por uma loja que fechou. “Uma ótima oportunidade para comprar roupas boas num preço irrisório, já que qualquer produto custará entre R$1 até no máximo R$15 reais”, comentou destacando que serão vendidos roupas em geral (masculina, feminina e infantil) e calçados. “Todos estão convidados a participar conosco e a ajudar a instituição. As doações e a ajuda da comunidade são o que mantêm a Casa funcionando, por isso sempre contamos com o apoio e a participação de toda a população em nossos eventos, podem vir que esta edição o bazar estará muito especial”, convidou a coordenadora.

Fonte: Kelli Krause - Redação DS

Prefeito acompanha asfaltamento de ruas no Jardim dos Ipês

Prefeito vistoriou obras acompanhado do vereador do bairro, Maurizan Godoi

O Prefeito de Tangará da Serra, Fábio Junqueira, acompanhou na tarde de ontem os trabalhos que se iniciaram no Jardim dos Ipês para asfaltamento das ruas Combarus, Sucupiras, Canelas, Cedros, Copaíba, Faveiros, Figueiras, Genipapos e Avenida Tancredo Neves. Ao todo estão sendo executados 26.605,24 metros quadrados de pavimentação asfáltica nas últimas ruas do bairro que ainda aguardavam pavimento.

Durante a vistoria o Prefeito foi acompanhado do Vereador Maurizan Godoi, liderança do Jardim dos Ipês, que parabenizou a iniciativa da administração municipal em executar uma obra tão importante quanto essa. “Essa é mais uma grande obra dessa gestão em benefício da população do Jardim dos Ipês. Como representante do bairro estou orgulhoso de apoiar a administração do Prefeito Fábio e de fazer parte desse momento importante para a nossa população que está deixando de sofrer na lama e na poeira para receber asfalto na porta da sua casa”, destacou o Vereador.

Fábio Junqueira que vistoriou o início das obras na tarde de ontem salientou a importância da pavimentação asfáltica para os moradores do Jardim dos Ipês, e destacou ações que já foram desenvolvidas no bairro. “Só quem vive em uma rua sem asfalto sabe o quanto é sofrido. Temos um cronograma de ações e estamos executando esse cronograma com celeridade e seriedade. Fizemos o compromisso de concluir o asfaltamento do Jardim dos Ipês e agora vamos cumpri-lo”, afirmou, completando. “Os moradores merecem. Já executamos uma belíssima obra na Avenida das Amoreiras, construímos as galerias de esgoto nessas ruas do bairro e agora a pavimentação asfáltica. O Jardim dos Ipês tem toda a atenção da administração municipal, assim como todos os bairros de Tangará da Serra”, enfatizou Junqueira.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Câmara aprova revisão dos salários dos servidores do Legislativo

Em plenário os vereadores aprovaram na Sessão Legislativa de ontem, por maioria, o Projeto de Lei 9/2015, de autoria da Mesa Diretora do Poder Legislativo Municipal. O projeto dispõe sobre a revisão geral anual de 7% linear, incidente sobre a remuneração dos servidores da Câmara Municipal de Tangará da Serra.

Na justificativa do projeto, os autores defenderam que ao prever a fixação, alteração e revisão geral anual, o inciso X do artigo 37 da Constituição Federal utiliza a expressão “remuneração dos servidores públicos”. “Assim, em brinde a legalidade, após os estudos da legislação infraconstitucional, propomos o presente projeto de lei”, afirma o texto assinado pelo presidente Romer Japonês (PR), pelo vice-presidente Luiz Henrique Barbosa Matias (PTB), pelo primeiro secretário Professor Sebastian (Pros) e pelo segundo secretário, Weliton Duarte (PT).

VISTAS – Na mesma sessão, os vereadores tangaraenses aprovaram pedido de vistas formulado pelo vereador Professor Vagner (PSDB) ao Projeto de Lei 56/2015, de autoria do Executivo Municipal, que cria o cargo de coordenador do Cadastro Único e Programa Bolsa Família. De acordo com a mensagem encaminhada aos vereadores, a criação do cargo é necessária para a gestão do programa que trabalha em rede com as áreas de Saúde e Educação.

A Câmara também aprovou pedido de vistas de 30 dias apresentado pelo vereador Sílvio Sommavilla (PV) ao Projeto de Lei 66/2015, também de autoria do Poder Executivo Municipal. O projeto propõe a revogação da Lei nº 3711/2011, que autoriza o uso de espaços públicos por particulares.

Marcos Figueiró 
Assessoria de Imprensa

Romer Japonês ressalta geração de empregos em Tangará

Romer Japonês (PR) elogiou o Governo do Município na sessão legislativa de terça-feira, dia 07, por causa de projetos que começaram a tramitar na Câmara Municipal prevendo doação de área para ampliação ou instalação de empresas na cidade. O presidente da Câmara Municipal afirma que estimular a instalação de empresas, gera empregos na cidade e lembrou que este ano Tangará da Serra recebeu várias empresas de grande porte. Romer ainda citou a recente aquisição do Frigorífico de Aves Anhambi pela empresa JBS Seara.

“As empresas de grande porte que a cidade está recebendo, confirmam a vocação de Tangará Serra. Confirmam a cidade como pólo de uma importante região de Mato Grosso. E esse desenvolvimento que estamos vendo é sim, reflexo de como a gestão do Município está bem recebendo os empresários que querem investir em Tangará. Então, meus parabéns ao prefeito Fábio e ao secretário Fernando Ambrósio”, afirmou Romer Japonês.

O presidente do Legislativo Municipal citou reunião com empresários da Refrigerantes Dydyo, que se instalou na Vila Esmeralda e conta hoje com 18 funcionários. “É uma empresa de grande porte que está em Rondônio, no Amazonas e no Pará também. E em dezoito meses projeta chegar a 100 funcionários em Tangará da Serra. Isso é prova de que empresas de grande porte estão vindo para Tangará da Serra. Outro exemplo é a JBS Seara, que adquiriu a Anhambi e quer aumentar a produção avícola de Tangará da Serra, por ser pólo no Estado”, afirma Romer.

Marcos Figueiró 
Assessoria de Imprensa

Projeto Arte em Movimento de Tangará é destaque a nível estadual

Alunos do Jiu-jitsu conquistaram medalhas em Campo Verde

O Projeto Arte em Movimento, idealizado através do Ponto de Cultura em parceria com o Centro Municipal de Ensino Sílvio Paternez, tem se destacado até mesmo fora de Tangará da Serra com suas oficinas culturais, levando o nome do município para eventos estaduais.

Recentemente, os alunos de Jiu Jitsu, que fazem parte do projeto Arte em Movimento e extensão do Projeto Estrela da Serra, foram participar da Segunda Etapa Estadual do Mato-grossense e conquistaram medalhas para Tangará. De acordo com o professor Weliton da Silva, dos 10 alunos, cinco tiveram bom desempenho. “Foi uma medalha de primeiro lugar, três de segundo e uma de terceiro. O resultado superou nossas expectativas, e por isso estamos todos felizes”, avaliou o professor.

Para a coordenadora do projeto Arte em Movimento, Joeli Siqueira, o resultado mostra que os trabalhos são direcionados a todas as áreas da cultura, indo da pintura, dança e teatro, até as artes marciais.

“O Projeto Arte em Movimento engloba um todo, e esse é o nosso objetivo. Tivemos mais esse resultado positivo com o professor Weliton, onde as crianças estão sendo incentivadas e motivadas”, relatou a coordenadora, ao destacar que para os alunos fazerem parte do projeto Arte em Movimento, é necessário ter bons resultados também na sala de aula.

“Estamos puxando os alunos para a área do conhecimento. Eles têm que ser bons num todo, e por isso estamos incentivando os mesmos. Se os alunos não apresentarem bons desempenhos na sala de aula também, eles saem do projeto”, enfatizou Joeli.

Conforme o DS divulgou em edições anteriores, outro bom resultado que o Projeto Arte em Movimento conquistou recentemente foi no Arraiá da Serra. Na categoria infanto-juvenil, o grupo levou a melhor e segurou o primeiro lugar, para alegria da escola Sílvio Paternez.

“Tivemos aí o privilégio de levar o primeiro lugar com um trabalho honesto e dedicado de um mês, realizado dentro das normas. Estamos muito satisfeitos com os resultados obtidos dentro do projeto”, comemorou Joeli.

Fonte: Rodrigo Soares - Redação DS

Asfalto atrás do Bosque resolve problema histórico em Tangará

Foram exatos 40 anos de espera até a administração de Fábio Martins Junqueira resolver um problema que constantemente estava na pauta das reivindicações dos moradores de Tangará da Serra. Todas as gestões anteriores passaram, prometiam a solução e a obra não saia do papel. Agora, para a felicidade dos moradores da Rua 8 localizada aos fundos do Parque Municipal Ilto Ferreira Coutinho, a obra foi concluída.

Com a pavimentação concluída, o Prefeito afirma que mais uma etapa do cronograma de ações do Município está pronta. “Assumimos o compromisso de executar essa obra, foi um compromisso público que assumimos e que agora conseguimos tirá-lo do papel. A população é merecedora dessa obra”, salientou Junqueira, confirmando que a Sinfra em breve deverá iniciar os trabalhos de sinalização, colocação de meio fio e sarjetas.

De acordo com o Prefeito, em toda aquela região serão executados cerca de 10 mil metros quadrados de pavimentação asfáltica. “Era uma região muito prejudicada pela falta de pavimentação. Foi uma obra difícil de ser executada justamente por isso. Foi realizada uma drenagem profunda com as galerias de águas pluviais para que pudéssemos executar a obra”, informou o gestor.

Fonte: Assessoria de Imprensa PMTS

Saturnino quer divulgação do "Teste da Lingüinha" em hospitais e maternidades públicas

Os bebês com alteração no frênulo lingual provoca várias modificações nos movimentos da língua e dos lábios, acarretando problemas relacionadas à mastigação.

O deputado Saturnino Masson (PSDB) apresentou projeto de lei que torna obrigatório em Mato Grosso, a colocação de cartazes de divulgação, nos hospitais e maternidades públicas e privadas, informando sobre o “Teste da Lingüinha”, que passou a ser obrigatório após a promulgação da lei Federal de 2014. 

De acordo com o projeto, bebês com alteração no frênulo lingual provoca várias modificações nos movimentos da língua e dos lábios, acarretando ainda problemas relacionadas à mastigação, e acabam tendo um número menor de sucção e um tempo maior de amamentação, algo em torno de oito a dez segundos. 

O normal é que essa pausa seja de quatro segundos e que a criança tenha uma quantidade maior de sucção. Ao ser identificada alguma alteração no frênulo da língua a criança tem de passar por uma cirurgia para corrigir o problema. 

A intervenção chama-se frenectomia, ou simplesmente pique, que consiste em um corte pequeno nesse pedaço de pele. O procedimento completo dura cerca de dez minutos e a criança não precisa ficar internada. 

Segundo Saturnino Masson os recém-nascidos precisam fazer o teste da linguinha, que é de grande importância para a saúde futura desses bebês. " Os hospitais e maternidades deverão afixar cartazes em locais de fácil acesso e ampla visualização para que o pais desses menores possam ter maiores informações sobre esse problema que afeta grande parte dos bebês. 

Fonte: ROSÂNGELA MILLES
Assessoria de Gabinete