Prefeitura Municipal vai funcionar em novo prédio a partir de 20 de agosto

A mudança para o novo prédio (Antigas instalações da UNITAS, nos fundos do Jardim Europa), está prevista para ocorrer entre o dia 17 e 20 de agosto. A informação partiu do próprio Prefeito Municipal, Fábio Junqueira. Ele explicou que pretendo que a mudança seja feita de forma a não interferir muito na vida do cidadão tangaraense. “Nós queremos fazer a mudança pegando no máximo um ou dois dias úteis. Temos a intenção de mudar por blocos, de forma que os serviços considerados essenciais não sejam interrompidos de forma alguma”, ressaltou.

Os projetos de maior porte ainda não foram assinados. Trata-se da ampliação da rede de esgoto e pavimentação asfáltica. “Estamos com dois projetos para serem aprovados e assinados. Os dois estão tramitando no Ministério das Cidades. O primeiro é o do esgoto sanitário. Além do que nós já temos em execução, nós pedimos mais quinze milhões de reais. Pretendemos deixar Tangará da Serra com 90% de esgoto sanitário. O outro trata de pavimentação asfáltica, também de quinze milhões de reais. Este se não for aprovado no PAC vai ser financiado pelo BNDS e nós vamos então pagando pouco a pouco”, explicou Junqueira demonstrando otimismo quanto a aprovação desses projetos e consequentemente a liberação dos recursos.

No dia 13 de agosto o município de Tangará da Serra vai aderir oficialmente ao Programa Nacional da Pessoa portadora de deficiência, o programa “Viver sem limites”. A adesão será formalizada em solenidade que contará com a presença da Ministra da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, Maria do Rosário, em Cuiabá.

Fonte: Redação RP

Pavimentação da Avenida das Amoreiras deve ser concluída em setembro

A avenida é uma das principais ligações do Bairro Jardim dos Ipês com o centro da cidade e sua pavimentação vinha sendo anunciada há alguns anos. Uma primeira ordem de serviço foi lançada no final do ano passado e os serviços foram interrompidos por conta do período chuvoso. Segundo informou o engenheiro civil Ronaldo Diniz, da Secretaria Municipal de Infraestrutura, a nova ordem de serviço, lançada em maio do corrente ano, estabelece 120 dias para a conclusão da obra.

A pavimentação da Avenida das Amoreiras, no trecho entre o Bairro Jardim dos Ipês e a Avenida da Paz, ao lado do Cemitério Municipal (um trecho de 1.551 metros de extensão), está sendo feito pela TCO Terraplanagem e, ao que tudo indica, a obra será entregue dentro do prazo. Quem visita o local percebe a intensa movimentação das máquinas que neste momento reforçam o subleito da pista. Nesse aspecto é bom que se ressalte que a base da pista de rolamento está recebendo o tratamento adequado.

Neste trecho a água da chuva será coletada por oito bocas de lobo, instadas nos dois lados do bueiro que corta a pista (já existente e que recebe a água do Córrego Estaca no período de chuvas). O reforço no sistema de coleta de águas pluviais vai permitir que a pista seja elevada neste ponto em aproximadamente um metro. Serão duas pistas, separadas por um canteiro de dois metros e vinte e seis centímetros totalizando 11.932 metros quadrados de pavimentação asfáltica.

O engenheiro Ronaldo Diniz observou que não existe, a princípio nada que esteja fora da normalidade e isso via permitir a conclusão da obra dentro do prazo previsto. No encontro das Avenidas Amoreira com a Da Paz, provavelmente a Secretaria de Infraestrutura deve construir uma rotatória. Uma vez concluída essa obra, uma das principais demandas da comunidade local será atendida. Nos períodos de chuva a Avenida das Amoreiras ficava praticamente intransitável e na seca, a poeira se tornava insuportável.

Fonte: Redação RP

Hotel Cambuí

Conforto, Bom Gosto e Qualidade

Apartamentos com ar condicionado, TV e Frigobar.

O hotel conta também com internet wireless (Wi-Fi).

Município construirá creches no Morada do Sol e Jardim Acapulco

O prefeito de Tangará da Serra, Fábio Junqueira (PMDB) anunciou a construção de duas creches no Município. Três já estão sendo construídas, o que totaliza a construção de cinco creches somente no início de sua gestão. De acordo com o Chefe do Executivo as duas novas creches serão construídas através de um convênio aprovado pelo Ministério da Educação (MEC) em contrapartida com o Município.

Junqueira revelou ainda os locais onde essas duas novas creches serão construídas. “O Município de Tangará da Serra foi contemplado com mais duas creches a serem construídas. Será construída uma creche no Morada do Sol e outra creche no Jardim Acapulco. Serão investidos cerca de R$ 3 milhões nas novas construções. Os convênios foram aprovados pelo Ministério da Educação”, destacou o prefeito.

Além dessas duas creches já garantidas pelo prefeito junto ao Ministério da Educação, outras três estão já em fase de construção. Uma creche está sendo feita no Jardim Califórnia, outra no Jardim Vale do Sol e a terceira no Monte Líbano. Além das creches o Califórnia e o Monte Líbano estão recebendo obras de asfaltamento e o Vale do Sol foi beneficiado com a construção de galerias de águas pluviais através das Obras do PAC. “Valorizamos a educação e buscamos qualificar tanto os nossos profissionais quanto nossos alunos. As creches vão beneficiar enormemente as famílias que necessitam de um local seguro, adequado e de qualidade para deixar seus filhos enquanto trabalham”, afirmou Junqueira.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Caminhada na Natureza da Setur foi um sucesso

A 5ª Caminhada na Natureza foi realizada na manhã do último domingo na Estância Amazonas. Os ônibus gratuitos que levaram os caminhantes até o local, saíram do Centro de Tangará da Serra às 6h30. O local já estava preparado para receber os caminhantes, uma equipe do SAMU aferiu a pressão de todos antes da largada, Bombeiros e os servidores da Secretaria de Turismo, organizadora do evento, deram todo o suporte.

Um café da manhã reforçado foi servido, um alongamento para aquecer o corpo e todos estavam prontos para iniciar o percurso de 10 quilômetros em meio à mata ciliar do Rio Sepotuba. No percurso foram instalados quatro pontos de apoio com água. No trajeto, além de respirar o ar puro da mata, as belezas naturais também puderam ser contempladas.

Enquanto os caminhantes iam terminando o percurso, o cantor Felipe Cruz e a dupla Larissa Padilha e Marcelo cantavam para deixar a manhã ainda mais animada. Vários brindes foram sorteados para aqueles que completaram o percurso. “Mesmo tendo sido pegos de surpresa com o frio dos últimos dias, o resultado foi satisfatório, tivemos mais de 300 inscritos pelo site e 250 que caminharam, então eu posso dizer que foi um sucesso”, afirmou a Secretária de Turismo Hiara Hernandes.

PARTICIPANTES – Participantes de Cuiabá também marcaram presença e da vizinha Barra do Bugres um ônibus de caminhantes veio participar e prestigiar o evento. Para o próximo ano a Secretária de Turismo pede que proprietários de áreas rurais próximas a Tangará que queiram receber o evento procurem a Secretaria para fazer sua inscrição.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Taxistas tangaraenses comemoram seu dia com carreata na avenida

Em comemoração ao Dia do Motorista e de São Cristóvão, seu padroeiro, taxistas e mototaxistas fizeram carreata festiva na tarde de ontem em Tangará da Serra. Dezenas de táxis e mototáxis percorreram a Avenida Brasil, partindo da Praça dos Pioneiros, onde há um ponto de táxi, às 16h.

Foi uma forma de chamar a atenção desses profissionais que colocam em risco sua vida, pois não escolhem passageiros, têm que ter prudência no volante e obedecer a regras rígidas das legislações nos três âmbitos, federal, estadual e municipal.

Uma das últimas demandas, que está envolta em debates entre a classe e o governo tangaraense, é a colocação de taxímetros nos veículos, que há pouco tempo tiveram que se padronizar para obedecer à nova normatização nacional, onde distingue-se sua praça de trabalho pelas cores dos carros e das faixas.

Além da carreata comemorativa, à noite, a partir da 20h, houve um jantar festivo num clube na Lions Internacional, fechando as comemorações do Dia do Motorista e do Taxista.

Esta é uma classe que luta diariamente pelos seus direitos sem deixar de cumprir os seus deveres e que tem, na grande maioria dos seus profissionais, o exemplo de honestidade, dedicação e dignidade.

DIA – Apesar de existir há décadas, a profissão de taxista só foi reconhecida e legalizada há menos de um ano. Agora, o profissional do táxi precisa entender de mecânica, de primeiros socorros e, se sobrar um tempinho, saber se comunicar em inglês e espanhol. Além disso, precisa fazer vistoria no carro de 3 a 4 vezes por ano, tirar uma série de documentos, colar selinhos no para-brisa do carro e manter seu veículo sempre em ótimas condições.

Fonte: Redação O Jornal

Primeira Dama anuncia projeto que vai tirar pessoas das ruas de Tangará

A Primeira Dama de Tangará da Serra, Helena Simões Matias Junqueira, está desenvolvendo um projeto denominado ‘Nova Vida’ em que pretende dentro de pouco tempo retirar moradores de rua e encaminhá-los para suas respectivas famílias, mesmo estando em outras cidades. A iniciativa visa ainda oferecer atendimento a andarilhos que tenham problemas mentais ou necessitem de tratamento contra drogas e bebida alcoólica.

Nessa semana, desde o começo do frio intenso, Helena Junqueira iniciou campanha de distribuição de cobertores e agasalhos, além de encaminhar moradores de rua para o Albergue Municipal. Apenas aqueles que se recusaram a seguir para o Albergue, mesmo com a insistência da Primeira Dama, continuaram nas ruas e mesmo assim receberam cobertores e comida. “A intenção era que todos fossem para o Albergue, mas muitos se recusaram justamente por terem problemas com o alcoolismo e lá ser terminantemente proibido beber”, salientou.

Helena Junqueira afirmou que existe ainda a preocupação com moradores de rua de outras cidades que são deixados em Tangará. “Temos diversas denúncias e depoimentos dos próprios andarilhos que afirmam terem sido deixados aqui por carros de outras cidades. Nós de Tangará não fazemos isso, aqui o nosso objetivo é dar tratamento a essas pessoas e não jogá-las de cidade em cidade”, afirmou.

Segundo a Primeira Dama somente na última terça-feira, 23, dez passagens de ônibus para andarilhos que desejam voltar para suas cidades foram garantidas. “Estive na Praça da Bíblia entregando cobertores àqueles que não quiseram ir para o Albergue e lá me pediram essas passagens que foram garantidas junto à Assistência Social”, informou. “Quem for de outra cidade e foi deixado em Tangará, que manifestar o desejo de retornar, vamos dar um jeito de encaminhá-lo. Quem necessitar de tratamento, vamos buscar as alternativas, o que não vamos permitir é que essas pessoas continuem jogadas nas ruas sem condição de vida digna”, completou Helena Junqueira, enfatizando que intensificará a fiscalização sobre os municípios que têm deixando moradores de rua em Tangará. “Essa é uma situação que infelizmente tem acontecido e precisa ser fiscalizada com rigor”, concluiu.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Tangará sediou Conferência Regional de Meio Ambiente

O Município de Tangará da Serra sediou a terceira edição da Conferência Regional de Meio Ambiente ocorrida ontem no auditório do Ceprotec. Representantes de 15 municípios que compõem o Consórcio de Desenvolvimento da Bacia do Alto Rio Paraguai compareceram ao evento que serviu para formalização de propostas que serão encaminhadas para a Conferência Estadual e posteriormente a Nacional, ainda sem datas oficializadas.

A recepção do evento foi feita pelo prefeito Fábio Junqueira e pelo secretário municipal de Meio Ambiente, Ander Santos que ao fazer uso da palavra destacou a importância da sensibilização da sociedade para com o meio ambiente. “Quem vive a realidade dos problemas ambientais é a população, que precisa ser mais sensível para essa questão. Resíduos sólidos impactam diretamente a vida das pessoas. O lixo jogado nas ruas não chega lá sozinho, alguém leva. Temos de fazer uma reflexão sobre o nosso papel”, salientou o secretário.

O diretor do Samae, Wesley Lopes Torres que também fez parte do evento destacou que o desafio da questão ambiental é grande. “O que queremos implantar só será efetivo se for de baixo para cima, do contrário não funcionará. Temos uma coleta seletiva em todos os bairros da cidade, mês que vem teremos um caminhão zero quilometro destinado para a coleta. O trabalho do poder público está surtindo efeito, mas a população tem de ser parceira”, frisou.

O prefeito Fábio Junqueira afirmou que discutir a questão ambiental em conferências é um ponto fundamental para a busca de solução dos problemas existentes. “A preocupação com a questão ambiental é de longas datas. Os impactos precisam ser minimizados e evitar que novos problemas sejam cometidos”, concluiu.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Parceria entre Prefeitura e Cemat entregará 180 geladeiras a famílias carentes

O Programa Luz em Conta, através de uma parceria de Rede Cemat com a Prefeitura Municipal de Tangará da Serra, trocará 180 geladeiras novas e do tipo econômica de 270 litros por geladeiras velhas com famílias de baixa renda.

Para ser beneficiada com a nova geladeira a família precisa preencher alguns requisitos básicos, como por exemplo: comprovar baixa renda, estar regularizada junto à Cemat, com a conta de energia em nome da pessoa que será beneficiada e ter uma geladeira em mal estado, porém em funcionamento. A família tem ainda de estar cadastrada em programas sociais, apresentar seus documentos pessoais e a última conta de energia paga.

Para mais informações a respeito do cadastro visando o recebimento de uma geladeira nova através do Programa Luz em Dia, pode-se entrar em contato com a Secretaria Municipal de Assistência Social através dos telefones 3311-5141 / 3311-5142 ou nos CRAS pelos telefones 3326-9557 /3325-1560.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Profissionais do Samu recebem capacitação da Secretaria de Saúde

A Secretaria Municipal de Saúde de Tangará da Serra realizou um treinamento para médicos, enfermeiros e socorristas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). Nos últimos dias após a realização do teste seletivo, vários profissionais foram incorporados ao órgão. O treinamento foi realizado na sede da Secretaria que é a responsável direta para administrar o SAMU.

A Secretária Helena Maria Cavalini afirmou que o treinamento foi feito para que os novos contratados entendam o funcionamento e a forma que são feitos os atendimentos de urgência e emergência. A Secretária falou também sobre a dificuldade na contratação de médicos, tanto para atendimento no SAMU como para o Hospital Municipal. “Nós queremos contratar, mas o que falta é o profissional. Para o Hospital Municipal nós conseguimos contratar nos últimos 40 dias três médicos e outra médica chega ainda essa semana, e no SAMU com o teste seletivo nós conseguimos reestruturar o atendimento”, afirmou.

Em relação ao atendimento no Hospital Municipal a Secretária fez uma avaliação positiva. “Eu tenho ouvido muitos usuários dizerem que melhorou muito o atendimento, as filas diminuíram e tempo de espera também”, contou Helena.

Fonte: Assessoria de Imprensa



A Secretária pediu a população o entendimento na hora de procurar atendimento, sendo que o Hospital Municipal (antigo Mater Dei) faz somente o atendimento de urgência e emergência e as consultas devem ser feitas na antiga Unidade Mista de Saúde. O atendimento médico diário das duas unidades chega a mais de 700 pessoas.

Primeira Dama entrega cobertores a moradores de rua

A Primeira Dama de Tangará da Serra, Helena Simões Matias Junqueira, esposa do prefeito Fábio Junqueira, entregou ontem cobertores a moradores em função do frio intenso que faz na cidade. As entregas aconteceram em locais onde os moradores de rua estavam concentrados, como, por exemplo, no pátio da Igreja Matriz, Praça da Bíblia e Praça dos Pioneiros.

Helena Junqueira salienta, porém, que os moradores de rua que receberam cobertores são aqueles que recusaram o encaminhamento ao Albergue Municipal, optando dessa forma por dormir nas ruas da cidade. “Infelizmente eles preferem ficar na rua do que receber o atendimento do Albergue, mesmo em dias de frio intenso como agora. A maioria desses moradores de rua tem histórico de alcoolismo e no Albergue bebida alcoólica é terminantemente proibido, acreditamos que em função disso eles acabam optando por ficar nas ruas”, disse.

A Primeira Dama informa ainda que mais cobertores serão entregues. “Já estamos fazendo esse trabalho desde o último frio que surpreendeu os tangaraenses. De lá para cá temos desenvolvido esse trabalho com mais intensidade a fim de aplacar o frio que os moradores de rua acabam sentindo. O prefeito e eu vamos entregar ainda em outros locais específicos, como entidades, por exemplo”, completou Helena Junqueira.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Prefeito entrega veículos para Departamento de Fiscalização

O Departamento de Fiscalização da prefeitura municipal de Tangará da Serra estará a partir de agora oferecendo melhores condições de trabalho para seus profissionais desempenharem suas respectivas funções. Antes, segundo a secretária de Fazenda, Valnicéia Piccolli Barbosa, existia um problema acentuado, a falta de veículos no setor.

Justamente esse problema foi resolvido graças a aquisição de quatro veículos Fiat Uno que foram destinados pelo prefeito Fábio Junqueira ao departamento de Fiscalização do Município. “Estamos solucionando um problema existente na secretaria que era justamente a falta de veículos para que os nossos fiscais pudessem trabalhar melhor”, afirmou o prefeito.

Valnicéia destacou ainda que ao assumir a Sefaz, encontrou a pasta com essa defasagem de veículos. “Quando assumimos, encontramos a Secretaria de Fazenda bastante defasada em termos de veículos disponíveis. Os veículos estavam velhos e haviam sido vendidos através de leilão no ano passado. Providenciamos a aquisição de novos carros para que o departamento de Fiscalização pudesse desempenhar melhor suas funções. No mês de março a secretaria comprou um Fiesta e agora adquirimos mais quatro Unos. Os fiscais vão realmente colocar em prática o nosso plano de metas”, salientou a secretária.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Prefeitura inicia construção de galerias pluviais no Alto Alegre

Os moradores do Jardim Alto Alegre em Tangará da Serra acompanharam com alegria o início das obras de construção de galerias pluviais em ruas do bairro. O prefeito Fábio Junqueira e o secretário de Infraestrutura Chico Clemente estiveram no local e anunciaram à população local que após a execução dos trabalhos de implantação das galerias será construído o asfalto no bairro.

Segundo o prefeito o Município já vinha fazendo um trabalho de planejamento de execução do asfalto. “Para construirmos o asfalto era necessário galerias de águas pluviais. Houve uma aquisição dos materiais para fazê-las ainda no ano passado. Uma empresa foi contratada para fazer a obra, a fez parcialmente, mas não deu continuidade, tento ficado muitos meses parada”, revelou o chefe do Executivo.

De acordo com o secretário Chico Clemente, o prefeito determinou a execução daquelas obras, a Sinfra realizou o estudo de viabilidades e retomou a construção das galerias atendendo a uma reivindicação antiga dos moradores. “A própria equipe da Sinfra está dando continuidade à construção das galerias e posteriormente a execução do asfalto. Os moradores do Alto Alegre já vinham sofrendo com essas erosões que ano a ano, nas chuvas, levam quantidades imensas de barro e areia para o córrego que está sendo assoreado, sem contar o sofrimento da população com poeira e lama. Estamos atendendo a uma comunidade que anseia pelas galerias e pelo asfalto há mais de 20 anos”, concluiu Junqueira.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Após substituição de Charles Laurini, Bernadino assume pasta do Esporte

O empresário José Bernadino é o novo secretário municipal de Esportes. O anúncio foi feito pelo Prefeito Fábio Martins Junqueira em entrevista à Rádio Pioneira. Bernadino assume o lugar de Charles Laurini após decisão de substituição tomada pelo chefe do Executivo.

Junqueira explica que para atender ao plano de governo estabelecido para sua gestão, precisaria ter alguém com experiência no cargo, para que assim a pasta não sofresse dificuldades na condução do processo de readequação da Secretaria. “E em virtude disso, fizemos a solicitação de substituição. Agradecemos ao ex-secretário pelo trabalho, entretanto tínhamos a necessidade de adequar o funcionamento, utilizando todos os esforços possíveis para a adoção de soluções que atendessem ao plano de governo; a proposta que postulamos para o esporte”, afirma o prefeito.

A substituição foi feita conforme Junqueira, sem nenhuma restrição ao bom nome de Laurini. “Ele é um empresário da cidade, uma pessoa de extrema seriedade, honestidade, não tenho nada a dizer a respeito da conduta pessoal e profissional do ex-secretário”, complementa.

O prefeito fala que no início de sua gestão foram colocados três critérios para atuação frente às secretarias: capacitação, vinculação ao plano de governo e alinhamento político. “O secretário preenchia a alguns requisitos, porém com relação à vinculação ao plano de governo, vinha sentindo dificuldade e com a situação precisei dessa substituição, exatamente para reconduzir o trabalho ao plano de governo do Município”, acrescenta.

Bernadino respondendo pela pasta, conforme o prefeito traz tranqüilidade, já que ele conhece os trâmites e está afinado ao plano de governo. E ao mesmo tempo tem um trânsito bastante célere com a chefia do Executivo e isso proporciona agilidade nas ações do esporte. “Buscando desta forma minimizar as dificuldades orçamentárias na burocracia da máquina que ele já conhece e com toda certeza em aproximadamente três meses já teremos um diferencial, no que diz respeito ao planejamento das ações” frisa.

Fonte: Redação RP

Prefeito anuncia implantação de lousas digitais em escolas do Município

A Prefeitura Municipal de Tangará da Serra adquiriu 32 computadores interativos, que são lousas digitais para serem implantadas nas escolas municipais. O investimento feito foi de R$ 58.400,00, representando um grande ganho para a Educação do Município, oferecendo mais comodidade aos profissionais da educação e facilitando a aprendizagem dos alunos. De acordo com o prefeito Fábio Junqueira a aquisição das lousas digitais significa um avanço tecnológico educacional para Tangará da Serra. “Nossa intenção é oferecer em nossas escolas opções tecnológicas avançadas de informação e comunicação nas salas de aula”, disse.

O computador interativo funciona como um projetor multimídia, facilitando o ensino e a aprendizagem em sala de aula, atuando como uma ferramenta diferenciada por facilitar a interatividade. O computador interativo, ou projetor multimídia, foi desenvolvido como um dispositivo portátil e leve podendo ser levado pelos professores para utilização nas salas de aula. É equipado com teclado, mouse, portas USB, porta para rede wireless e rede plc, unidade leitora de DVD e um data show interno para que os professores possam projetar os conteúdos digitais nas salas de aula.

Quanto a solução de lousa eletrônica, esse dispositivo permite apresentar conteúdos digitais armazenados no servidor da escola captados pelo dispositivo através de rede wireless, permite também apresentar conteúdos armazenados pelos professores em pen-drive e conteúdos disponíveis em DVD, além de incorporar funcionalidade que permite ao computador interativo transformar a superfície de projeção em um quadro interativo, ou seja, na lousa digital. “É uma grande conquista para Tangará. Educação é levada a sério em nossa gestão e esse material nos proporcionará avanços consideráveis do ponto de vista educacional”, destacou Junqueira.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Avião cai próximo ao Aeroporto de Tangará da Serra

Uma aeronave caiu próximo ao Aeroporto de Tangará da Serra na tarde desta sexta-feira por volta das 16h30. A informação mobilizou equipes do Corpo de Bombeiros e do SAMU. O piloto não ficou ferido. Informações dão conta de que na hora da decolagem ele perdeu o controle da aeronave devido a uma rajada de vento, o que ocasionou a queda.

De acordo com o tenente Barros do CB, a guarnição não sabia o lugar exato do acidente e quando conseguiu encontrar se deparou com um caminhão da Itamaraty acionado pelo proprietário da aeronave que dava o suporte necessário.

Os Bombeiros fizeram as ações protetivas tendo em vista que havia vazamento de combustível e após liberaram a aeronave para que os proprietários tomassem as medidas administrativas.

Fonte: Redação RP

Primeiro dia da 17ª Feira Ponta de Estoque registra grande público

Teve início nesta quinta-feira em Tangará da Serra a 17ª Feira Ponta de Estoque promovida pela Associação Comercial e Empresarial (Acits). O evento acontece no salão paroquial da igreja matriz, região central da cidade.

Hoje [quinta-feira] as vendas seguem até as 21h. Na sexta-feira o salão será aberto às 9h, sem intervalo para almoço e segue também até as 21h. Já no sábado, as vendas iniciam às 8h e terminam às 19h. Uma oportunidade para aquela pessoa que deseja renovar seu estoque de roupas, calçados com mega descontos. É possível encontrar ainda aparelhos eletrônicos e perfumaria por um preço especial.

O representante da Acits, Osmair Borges, afirma que a Feira Ponta de Estoque conta com 47 stands, divididos entre confecções masculina e feminina, infantil, calçados e celulares. “A expectativa é muito boa para mais essa edição da Feira, que já apresentou um grande público neste primeiro dia” fala. Os descontos, de acordo com ele, variam de 10% a 70%.

Na oportunidade está sendo feito ainda o Feirão do Imposto, com a idéia de mostrar ao contribuinte a quantidade de imposto que ele paga por cada produto.

Fonte: Redação RP

Fábio anuncia saída de Anílson e exalta competência de ex-secretário

O prefeito de Tangará da Serra, Fábio Junqueira (PMDB), confirmou na terça-feira, 16, que atendeu o pedido de demissão feito pelo empresário Anílson Franchini (PRB) há 15 dias motivado pela necessidade de se dedicar exclusivamente às empresas de sua família.

Anílson respondeu como titular da Secretaria Municipal de Indústria e Comércio desde o dia 1º de janeiro e encerrou seu vínculo com a gestão oficialmente na última terça-feira. Junqueira agradeceu a participação do empresário no Governo e destacou sua competência. “O Anílson é um grande empresário, muito respeitado em nossa cidade e em todo o Estado. Sua indicação para a Indústria e Comércio se deu em função de seu preparo técnico e competência”, salientou.

O prefeito destacou ainda o empenho de Anílson nesses meses em que atuou como secretário. “Empresário competente e bem sucedido, o Anílson foi um secretário dedicado e respondeu à altura das expectativas e necessidades que o cargo lhe exigia. Fiquei muito satisfeito com o trabalho que ele e sua equipe desenvolveram”, completou Junqueira.

NOVO SECRETÁRIO – O prefeito informou que a secretária de Turismo, Hiara Hernandes que também é do PRB, responderá interinamente pela Indústria e Comércio até que um novo nome seja providenciado pela gestão com participação do PRB para assumir como titular da pasta.

Fonte: Assessoria de Imprensa

“Exposerra é muito importante para Tangará da Serra”, afirma diretor do Calcário Tangará

A empresa Calcário Tangará é uma das patrocinadoras oficiais da Exposerra 2013, que acontece de 04 a 08 de setembro no Parque de Exposições de Tangará da Serra. O evento é aguardado com expectativa pelo diretor, empresário Rubens Jolando, que considera uma honra participar como patrocinador máster. “A Exposerra com a Festa do Peão é muito importante para nossa cidade, porque vende a imagem além fronteira, além município. A Calcário Tangará, que é uma empresa que em seu orçamento praticamente não tem verba para mídia porque nosso produto não depende de ser divulgado, optou por patrocinar um evento em Tangará da Serra, pela importância que o evento tem para a cidade”, afirma o empresário.

O propósito deste apoio é possibilitar a realização da festa, segundo Rubens Jolando. “Nós não realizamos vendas durante o evento, não temos estande no parque de exposições. Nos posicionamos como patrocinador principalmente para que a festa seja viabilizada. E nos sentimos honrados em participar como patrocinadores”, destaca.

Há 27 anos no mercado, a empresa Calcário Tangará foi fundada pelo empreendedor Olacyr de Moraes. Hoje tem três sócios, emprega 140 funcionários com uma folha de pagamento em torno de 500 mil reais mensais. A empresa é um grande consumidor de energia elétrica, gerando em torno de dois milhões e 700 mil reais por ano de dividendos no setor e é também grande consumidora de óleo diesel. “É uma empresa que movimenta grandemente a economia da cidade. Nossos funcionários residem aqui na sede ou no Distrito de Triângulo”, diz o Diretor.

Rubens Jolando destacou ainda à reportagem da Rádio Pioneira, a importância da produção do Calcário Tangará para a agricultura na região. “Produzimos o calcário calcítico dolomítico magnesiano. Este produto tem uma importância vital na correção dos solos da região aqui do Chapadão. O calcário é necessário para a correção da acidez do solo, proporcionando que o adubo reaja. Não adianta colocar adubo no solo se ele não estiver corrigido”, explica o empresário.

Trabalhando sob o slogan ‘27 anos produzindo riquezas no Mato Grosso’, o Calcário Tangará é uma das empresas de médio a grande porte em Tangará da Serra. O Faturamento chega a 25 milhões de reais por ano. Diariamente são produzidas quatro mil e 500 toneladas de calcário. “São 150 carretas de 30 toneladas por dia”, lembra Jolando. Por ano são 600 mil toneladas, já que a produção é sazonal, de acordo com a necessidade do mercado.

O Calcário Tangará também produz em torno de 100 mil toneladas de pedra brita por ano e continua investindo em tecnologia e na modernização do parque de máquinas. “Estamos modernizando nosso equipamento, nossas máquinas, investindo em transporte, investindo em moinhos, automatizando a parte elétrica, enfim, buscamos excelência hoje tanto na quantidade quanto na qualidade de nossos produtos. A busca da tecnologia é incessante”, afirma o empresário.

Fonte: Redação RP

Guaxe é notificada pela segunda vez para pavimentação do Parque Figueira

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e a Coordenação Geral das Obras do PAC em Tangará da Serra notificaram pela segunda vez a empresa Guaxe Construtora para que a mesma realize as obras de pavimentação asfáltica e drenagem de águas pluviais no Parque Figueira.

De acordo com o secretário Ander Santos a Construtora Guaxe afirmou que daria inicia às obras de pavimentação no dia 1º de julho, o que acabou não acontecendo. “Agora, após a segunda notificação, em reunião, mudaram novamente o prazo, para 1º de agosto, ou seja, a obra terá um mês a mais de atraso por conta da empresa”, frisou o secretário.

Nesta segunda-feira, 15, pela manhã, o secretário juntamente com o coordenador geral das obras do PAC, Hélio Clementino dos Santos, estiveram reunidos com a gerência regional da Guaxe onde foi feita a ratificação da notificação para o início das obras de pavimentação asfáltica e a drenagem de águas pluviais.

Hélio Clementino salienta que praticamente todos os serviços já foram executados, exceto os de responsabilidade da Guaxe: Segundo Clementino já foram realizados o Programa de Trabalho Técnico Social (PTTS), a regularização fundiária, os laudos de avaliação técnica e o curso de regularização fundiária. “30% das obras de melhorias habitacionais já foram executadas, a construção do parque, que é parte de lazer, passará por novo processo licitatório, como já estava na previsão”, informou

LIBERAÇÕES – Ander Santos explica que, ao contrário do que tem sido afirmado, a primeira liberação de recursos pela Caixa Econômica Federal aconteceu em 05 de fevereiro desse ano, portanto, a obra só poderia ter iniciado em 2013 e não no ano passado. “61 residências receberão melhorais sanitárias e estruturais. Serão ainda construídas 135 novas casas no Residencial Figueira. O contrato de R$ 20 milhões é de esgotamento sanitário que é em toda a cidade, vale destacar”, pontua o secretário.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Prefeitura entrega patrulha mecanizada a assentados do Vale do Sol

Assentados do Vale do Sol II (antigo Bezerro Vermelho) receberam no último sábado, 13, a patrulha mecanizada conquistada pelo Município de Tangará da Serra através de emenda do deputado Federal Carlos Bezerra (PMDB). A patrulha ficará a disposição da Associação de pequenos produtores rurais daquela comunidade e será utilizada no atendimento de todas as propriedades existentes no local.

A entrega da patrulha reuniu diversas autoridades políticas e representantes de setores, tendo sido feita pelo prefeito Fábio Junqueira acompanhado da Primeira Dama, Helena Simões Matias Junqueira, do vice-prefeito e Secretário de Administração, José Pereira Filho, o Zé Pequeno, do Secretário de Agricultura, Ivo Ferreira e do presidente da Associação dos pequenos produtores, Gilberto.

Segundo o prefeito a patrulha mecanizada seria destinada a outro local, mas através de um pedido feito ao deputado Carlos Bezerra, foi enviada para Tangará da Serra, destinada a comunidade do Vale do Sol. “Essa é uma comunidade de pequenos produtores rurais que precisam do respaldo do poder público. A patrulha mecanizada é uma grande conquista do Município enquanto gestão pública e da comunidade que necessita desse equipamento para melhor desenvolver sua produção”, afirmou Fábio Junqueira.

O vice-prefeito Zé Pequeno destacou o papel da comunidade na condução dos trabalhos no Vale do Sol e a importância da participação do poder público nas ações efetivas na localidade. “A administração municipal está próxima dos anseios das comunidades. A entrega dessa patrulha mecanizada é a prova real disso, pois são ações como essa que alavancam economicamente os pequenos produtores”, destacou.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Hospital Regional será construído em antigo terreno destinado ao CAT, afirma prefeito

JUNQUEIRA salienta, porém, que não tem como obra ser iniciada este ano

Depois de transferir o local destinado ao Centro de Atendimento ao Turista (CAT) da MT-358, nas proximidades do Cristo, para a Avenida Tancredo Neves, na atual sede da Associação dos Caminhoneiros, faltava destinar o terreno às margens da 358, que é do município, para alguma utilização. Na semana passada, durante a posse da nova delegada regional da Polícia Civil, o prefeito tangaraense, Fábio Martins Junqueira, afirmou que o Hospital Regional de Tangará da Serra será construído no local.

Segundo Junqueira, foram estudados vários terrenos para aquisição pelo município, contudo, os proprietários pediam valores muito altos ao saberem que o comprador era a prefeitura. “Como já tínhamos aquele terreno e não seria preciso gastar comprando outro, optamos pela destinação ao Hospital Regional”, pontuou o prefeito, em entrevista exclusiva ao O Jornal.

Junqueira ainda salientou que o terreno tem 40 mil metros quadrados e, para o Hospital Regional, a área necessária é metade desta, ou seja, 20 mil metros quadrados, podendo o local contemplar outra construção. Atualmente, o terreno encontra-se recoberto pelo mato e alguns materiais de construção ainda estão depositados por lá, além do depósito de ferramentas, construído à época da demarcação da obra do CAT.

O diretor da 22ª Ciretran, Juarez Laurentino, salientou que o local também fora destinado à construção da nova sede da Ciretran tangaraense, o que recebeu sinal positivo do prefeito. Contudo, Fábio explicou que, neste ano, não será ainda iniciada a obra do HR. Ele disse que já está com previsão orçamentária para 2014, tanto com os parlamentares que destinarão as emendas para a obra quanto com o governo do estado.

Ao ser questionado sobre 2014 ser ano político, Fábio pontuou que os convênios para a obra têm que ser celebrados antes do mês de junho de 2014, prazo terminal em ano eleitoral, mas que a obra pode ser licitada e iniciada em qualquer período do ano e reafirmou que a obra do Hospital Regional será iniciada em 2014.

CIRETRAN – Quanto à nova sede da Ciretran, que aguarda liberação de recursos há pelo menos quatro anos, desde que o terreno da MT-358 foi destinada para a obra, Laurentino disse que está se dirigindo a Cuiabá esta semana e, juntamente com o deputado Wagner Ramos (PR), que representa a região, vai até as secretarias estaduais responsáveis e Detran para ver a previsão orçamentária.

O diretor explicou que são necessários dez mil metros quadrados, sobrando ainda outros dez mil metros, já que o HR necessitará de 20 mil metros quadrados, caso haja necessidade de outra obra no local.

Em junho, os servidores do Detran entraram em greve pedindo melhores condições de trabalho. A sede da Ciretran em Tangará está em péssimas condições, com o teto quase desabando, por exemplo, sem contar a falta de espaço para vistorias. Também não há espaço para o depósito, que tem terreno alugado, para abrigar os veículos apreendidos, na Avenida Lions Internacional. “Vamos ver se conseguimos que os recursos sejam liberados ainda este ano ou, pelo menos, que a obra seja incluída no orçamento do ano que vem”, finalizou Laurentino.

Por Luciana Menoli / Da Redação O Jornal

Servidores da Unemat entram em greve na 2ª; movimento afetará 16 mil acadêmicos

A partir da próxima segunda-feira (15) as atividades na Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) estarão prejudicadas em decorrência da greve dos servidores públicos da instituição. O movimento decidiu entrar em greve por tempo indeterminado depois que as negociações com o governo do estado não avançaram no sentido de revisar o Plano de Cargos e Carreiras e nem de dar posse aos aprovados no concurso público realizado em 2011.

Na tarde desta quinta-feira (11) o Sintesmat (Sindicato dos Servidores Técnicos Administrativos) juntamente com o reitor da Unemat, Adriano Silva, estiveram reunidos com o secretário de Administração do Estado Francisco Faiad, que demonstrou desinteresse em fazer avançar as propostas da categoria que estão protocoladas na SAD desde outubro do ano passado.

"Novamente o secretário disse que vai encaminhar para o CONDES (Conselho de Desenvolvimento Econômico Social do Estado) e quer revisar as questões salariais já aprovadas pela gestão da Unemat e pela própria equipe da SAD. Nós estamos discutindo com o governo desde o ano passado, e só agora ele quer fazer retroceder as negociações o que demonstra a insensibilidade do governo estadual com os servidores técnicos administrativos da Unemat", afirma o presidente do Sintesmat, Luiz Wanderlei.

Com a greve dos servidores da Unemat, o início do segundo semestre letivo, previsto para agosto deste ano pode ficar comprometido, além disso, a divulgação do vestibular prevista para a próxima semana, bem como as matrículas dos 2.110 aprovados no concurso vestibular também serão comprometidas, bem como a finalização do semestre letivo.

A categoria aprovou o indicativo de greve em todos os campi da Unemat ,que atualmente são 11 campi e deve afetar cerca de 16 mil acadêmicos dos cursos de graduação e pós-graduação. Os técnicos da Unemat pedem a revisão do Plano de Carreira visando a flexibilização para se chegar ao topo de carreira, e ainda uma reposição das perdas salariais dos últimos anos. Além disso, a nomeação imediata dos aprovados em concurso público realizado em 2011 para o preenchimento das 199 vagas oferecidas, e que até o momento não tiveram a nomeação publicada pelo governo.

"Para se ter uma ideia, as grandes universidades possuem um servidor técnico para cada professor, na Unemat a realidade é completamente distinta, são cerca de três professores para cada técnico, com isso, há uma sobrecarga de trabalho e acúmulo de funções que não são reconhecidas pelo governo estadual", diz o presidente do Sintesmat.

As propostas dos servidores administrativos da Unemat já foram aprovadas internamente pela Unemat nos seus conselhos, e o próprio reitor Adriano Silva, tem se colocado favorável as reivindicações dos servidores, afirmando que a instituição tem sim orçamento para valorizar a carreira dos técnicos. "Que autonomia é essa que a Unemat conquistou, se ela não pode usar o orçamento que é dela para valorizar os seus servidores?", questiona Luiz Wanderlei.

Fonte: Redação RP

I Arte em Evidência começa neste sábado em Tangará

Artesanato, artes plásticas, dança e teatro são a tônica do evento, que acontece no Centro Cultural de Tangará da Serra neste final de semana. A programação será aberta às 08h30min deste sábado (13) e prossegue até as 16 horas de domingo (14).

Estão confirmadas diversas Oficinas: canto com André Rocha Vilani, modelagem biscuit com Joaquim Rocha, teatro com Valter de Almeida e Fernanda, dança de rua com Mateus de Luca Aguiar, estátua viva com Gilberto Freitas Corrêa Filho e dança com Welington Machado.

De acordo com a Diretora do Departamento de Cultura, Traudi Hoffman, o Arte em Evidência é um evento regional e visa dar expressão às mais diversas formas de arte, oferecendo oportunidade de qualificação para a classe artística regional e estudantes.

Fonte: Redação RP

Coleta seletiva: serviço deverá ser melhorado com treinamento para coletores

A maior parte da área urbana de Tangará da Serra tem hoje a cobertura do serviço de coleta seletiva de lixo. O setor tem sido alvo de algumas reclamações por parte da população tangaraense, principalmente no que diz respeito aos coletores do material. Na manhã desta 6ª-feira, diversas pessoas entraram em contato com o Departamento de Jornalismo da Rádio Pioneira, destacando a necessidade de orientação aos servidores sobre este serviço.

Entre as reclamações apresentadas, está a falta de cuidado em relação a onde são lançadas as sacolas para a coleta seletiva da semana seguinte. D. Lina, moradora da região central da cidade, disse que os sacos acabam sendo lançados em cima do telhado e até entopem as calhas. Moradores de bairros informaram que as sacolas foram lançadas em direção ao seu rosto quando estavam no quintal de casa. A Sra. Maria, moradora da Vila Goiânia, por sua vez, cobrou o uso da música que alerta os moradores para a passagem do caminhão de coleta seletiva.

Sobre estes questionamentos, a reportagem da Rádio Pioneira foi ouvir o Diretor Operacional do SAMAE - Serviço Municipal de Água e Esgoto, Hugo Leonardo. “É a primeira reclamação que eu recebo neste sentido de que estejam jogando as sacolas com muita força, mas vamos fazer uma reunião com eles e pedir a eles, menos força, e mais cuidado”, disse.

Hugo Leonardo fez questão de agradecer à população que tem se manifestado sobre a questão. “Nosso fiscal é o povo. Só tenho a agradecer à população. Há alguns dias algumas pessoas têm reclamado sobre alguns coletores. Alguns deles são novos e precisam passar por treinamento. Tivemos alguns fatos recentes que prejudicaram o serviço. A população sabe que contratamos a cooperativa para fazer a coleta. O incêndio acabou levando à mudança de local e alguns acabaram saindo da cooperativa. Temos pessoal novo e precisamos então dar um treinamento melhor para eles, e na medida do possível estamos fazendo isto, explica Hugo.

COLETA NA REGIÃO CENTRAL – Outra questão apontada nesta semana no programa O Povo no Rádio por cidadãos foi a não realização da coleta seletiva em alguns locais, inclusive em uma empresa. Sobre a coleta em empresas na área central, Hugo Leonardo informa que a coleta acontece nas quartas-feiras a partir das 18 horas e aos sábados a partir do meio dia.

“Estamos com uma demanda de coleta seletiva muito grande. Não conseguimos hoje tirar o caminhão da rota para atender um ou outro empresário. Então, enquanto estivermos nestas condições, pedimos a compreensão. A coleta acontece nas quartas e sábados e é importante que não deixem acumular muito o lixo seletivo”, disse Hugo Leonardo.

CONTATO E INFORMAÇÕES- Para esclarecer dúvidas em relação à coleta seletiva, ou passar informações, os tangaraenses poderão ligar nos telefones: 3311-6500 ou 9615-5516. “Se tiverem dúvidas podem ligar nestes telefones ou também direto no 3311-6521, para falar com o gerente operacional, ou outros servidores aqui. De uma coisa temos certeza: sem solucionar o problema não vai ficar”, disse Hugo Leonardo.

Fonte: Redação RP

Empossadas as novas conselheiras tutelares de Tangará da Serra

A solenidade de posse aconteceu nesta 5ª-feira (11) no auditório da OAB. Foram empossadas no cargo de conselheiras tutelares as cinco eleitas como titulares pela comunidade tangaraense no último dia 30 de junho: Valquíria da Silva, Maria de Lourdes Carvalho, Agna Dantas Campos, Cláudia Regina Delarcos e Márcia Regina Ribeiro.

Ao dar posse às eleitas, o prefeito Fábio Martins Junqueira destacou a importância do amplo processo seletivo realizado. “Pela primeira vez o Conselho Tutelar em Tangará passou por um processo tão seletivo. Primeiro um processo de análise de títulos e provas, e depois o voto da população”, disse.

Segundo o mandatário, com este processo se valoriza o conselheiro e a instituição, bem como se democratiza e aperfeiçoa o processo. Outro ponto destacado pelo prefeito é o fato de que todas as conselheiras têm formação de nível superior. “Um avanço considerável. Foi uma lei municipal que estabeleceu este critério e isto faz com que tenhamos conselheiros capacitados, qualificados do ponto de vista de formação superior e logicamente que receberão todo apoio do município e do estado com oficinas para qualificação e todo o acompanhamento. Mas só o fato de já terem uma formação superior, melhora em tese a qualidade dos trabalhos”, afirmou Junqueira.

NOVOS VEÍCULOS - Falando em entrevista à reportagem da Rádio Pioneira o prefeito contou também que até o final deste mês o município receberá quatro novos veículos para atender o setor de assistência social. Os veículos ficarão à disposição de cada um dos CRAS e um para o CREAS. “Esses veículos são adquiridos pelo Governo do Estado como uma forma de contribuir para a assistência social. Isso vai contribuir para o desenvolvimento do trabalho dos CRAS e dos CREAS e conseqüentemente para o atendimento da população”, disse.

Fonte: Redação RP

Solenidade marca posse da nova delegada regional em Tangará da Serra

Alessandrah Marquez Ferronato é a nova delegada regional de Tangará da Serra. Sua posse foi realizada na tarde desta quarta-feira no auditório da Associação Comercial e Empresarial (Acits). Ela assumiu o lugar do delegado João Paulo Andrade Farias que foi transferido para Rondonópolis.

Autoridades municipais prestigiaram o evento entre elas o Prefeito Municipal Fábio Martins Junqueira, presidente da Câmara de Vereadores, Luiz Henrique Barbosa Matias, assim como os vereadores Weligton Bezerra, Romer Japones, Niltinho do Lanche e Sebastian Ramos.

Do setor da segurança público, delegados de Nova Olímpia, Barra do Bugres, Campo Novo, Sapezal e Brasnorte marcaram presença na posse, assim como autoridades estaduais, como a presidente da União das Mulheres de Mato Grosso, Kall Marçal e o diretor de interior da Polícia Judiciária Civil, delegado Aldo Silva da Costa.

Em entrevista à reportagem da Rádio Pioneira, a delegada regional Alessandrah Marquez Ferronato, que atuava anteriormente em Cáceres, afirma que continuará dando andamento às diretrizes já traçadas pela diretoria da PJC, com operações mensais, com intuito de intensificar o combate ao crime de tráfico, reduzindo desta forma roubos e furtos, que tanto incomodam a sociedade.

A grande quantidade de casos envolvendo violência contra a mulher em Tangará da Serra é uma fator que preocupa a delegada. Segundo ela crimes como esses já se tornaram um problema mundial. “Entendo que tem que ser feito um trabalho de prevenção e conscientização. Vou conversar com a delegada que cuida dessa área para que possamos aumentar palestras nas escolas, e traçar convênios com a Prefeitura, CREAS, CRAS e Assistência Social e assim tentarmos diminuir esses índices”, comenta.

Fonte: Redação RP

Prefeito confirma adesão de Tangará ao "Mais Médicos"

O Município de Tangará da Serra irá aderir ao Programa Mais Médicos. A afirmação foi feita pelo prefeito Fábio Martins Junqueira, após a publicação da Medida Provisória 621 no Diário Oficial da União de terça-feira, dia 09. 

De acordo com a Medida Provisória o programa tem como finalidade formar recursos humanos na área médica para o Sistema Único de Saúde (SUS) e como objetivos diminuir a carência de médicos nas regiões prioritárias para o SUS, a fim de reduzir as desigualdades regionais na área da saúde, além de promover a troca de conhecimentos e experiências entre profissionais da saúde brasileiros e médicos formados em instituições estrangeiras. 

O programa vai promover a reordenação da oferta de cursos de medicina e vagas para residência médica, priorizando regiões de saúde com menor relação de vagas e médicos por habitante e com estrutura de serviços de saúde em condições de ofertar campo de prática suficiente e de qualidade para os alunos. 

Nas regiões prioritárias do SUS, o Governo irá promover o aperfeiçoamento de médicos na área de atenção básica em saúde, mediante integração ensino-serviço, inclusive por meio de intercâmbio internacional. 

Tangará da Serra tem até o dia 22 para apresentar ao Ministério da Saúde proposta de adesão. A confirmação dos municípios contemplados pelo programa – inclusive com a confirmação do número de vagas – será feita pelo Governo Federal no dia 26. 

CRONOGRAMA DO PROGRAMA MAIS MÉDICOS 

8/7 - Assinatura da medida provisória 

9/7 - Publicação da MP, da portaria interministerial, dos editais ligados ao programa "Mais médicos" e do edital para abertura de novos cursos de medicina 

9/7 a 22/7 - Adesão dos municípios 

9/7 a 25/7 - Período de inscrição dos médicos brasileiros e estrangeiros 

10/7 a 26/07 - Médicos estrangeiros e brasileiros formados no exterior devem apresentar declaração de inscrição no programa nas embaixadas e consulados 

26/7 - Publicação das vagas dos municípios 

26/7 a 28/7 - Médicos escolhem em que município gostariam de atuar 1/8 - Publicação de resultado provisório da relação de profissionais brasileiros 

1/8 e 3/8 - Médicos brasileiros homologam a participação e assinam termo de compromisso 

5/8 - Publicação do resultado final no Diário Oficial 

6/8 - Divulgação das vagas remanescentes para estrangeiros e brasileiros formados no exterior 

6/8 a 8/8 - Médicos estrangeiros e brasileiros formados fora do país escolhem cidades e homologam participação 

13/8 - Publicação do resultado da relação de médicos estrangeiros e brasileiros formados no exterior 

26/8 - Início da capacitação dos médicos estrangeiros 

2/9 - Início das atividades dos médicos brasileiros 

18/9 - Início das atividades dos médicos estrangeiros.

Fonte: Assessoria de Imprensa

4º Campeonato de Canto de Pássaros começa domingo na Vila Olímpica em Tangará

O evento deste domingo marca a abertura de um campeonato que acontecerá em seis etapas até o final deste ano. Segundo o presidente da Associação de Criadores de Pássaros de Tangará da Serra – ACRIPATS, José Adriano, neste ano o campeonato vai resgatar duas modalidades. “As categorias já vem pré-definidas: fibra em todas as espécies, canto livre e repetição. Em anos anteriores não tivemos nem canto livre nem a repetição. Estamos, portanto, neste ano, resgatando estas duas modalidades”, explica.

A primeira etapa do campeonato acontece no próximo domingo 14 de julho, pela manhã, no Ginásio da Vila Olímpica. As demais etapas serão realizadas mês a mês, no mesmo local nos dias 04 de agosto, 01 de setembro, 27 de outubro, 24 de novembro e a etapa final dia 15 de dezembro.

Na etapa final será sorteada entre os participantes uma motocicleta. Para concorrer, os criadores precisam obrigatoriamente participar de cinco etapas do campeonato.

Segundo José Adriano, para participar do campeonato, é preciso ser passarinheiro: “Tem que ter passarinho regularizado, tem que ter o cadastro federal, estar em dia com o IBAMA e ser filiado a uma associação. O cadastro pode ser feito pelo site: http://www.tendadosbicudos.com.br/ ou http://curiodefibra.blogspot.com.br", explica.

Todas as etapas do campeonato serão realizadas na Vila Olímpica Rei Pelé, no Ginásio de esportes e são abertas à comunidade. “Queremos convidar a população que queira nos visitar em nosso evento, até para ter conhecimento sobre como acontece. É uma disputa de canto de pássaros e é muito bonito. Para nós é gratificante que as pessoas estejam presentes conhecendo de que forma se procede um campeonato de canto de pássaros”, convida José Adriano.

Fonte: Redação RP

Agendamento para exame supletivo online em agosto e setembro começa dia 15

Os interessados em obter o certificado de ensino fundamental e médio podem fazer o agendamento do exame supletivo online, a partir de segunda-feira (15). As provas serão aplicadas de 1º de agosto a 30 de setembro, em 22 Centros de Educação de Jovens e Adultos (CEJA) em Mato Grosso.

De acordo com a Secretaria de Estado de Educação (Seduc) para efetivar a inscrição o candidato precisa responder um questionário socioeconômico. Os agendamentos podem ser feitos pelo site www.seduc.mt.gov.br .

Os dias e horários disponíveis são segunda-feira das 7h30 às 13h30; terça e quinta das 18h às 22h; quarta-feira das 13h30 às 19h30 e sexta-feira 8h30 às 13h30. O candidato que agendar as provas, mas não comparecer poderá fazer a justificativa para ausência e remarcar a prova, cinco dias antes do exame.

Os candidatos deverão acertar pelo menos 50% das questões. Se a pontuação for menor, a remarcação da prova deve ocorrer após 75 dias. Em todo o Estado são guardados 60 mil agendamentos.

Fonte: Redação RP com Só Notícias

Fábio anuncia a moradores asfaltamento da Cohabinha

O prefeito de Tangará da Serra, Fábio Junqueira, visitou na manhã desta segunda-feira, 08, os moradores do bairro Cohabinha juntamente com o secretário municipal de Infraestrutura, Chico Clemente, para anunciar o asfaltamento completo daquela localidade.

O anúncio do asfaltamento foi feito pelo prefeito e logo em seguida as máquinas da Sinfra iniciaram o balizamento das ruas do bairro. “A Cohabinha é um loteamento popular com participação do Município com o governo federal. Foi iniciado em 1997, então, estamos com quase duas décadas sem asfalto nessa comunidade. São cerca de quatro quadras e isso não justifica ficar tanto tempo sem receber o asfalto”, afirmou Junqueira.

Segundo o chefe do Executivo, diferentemente do que aconteceu em outras oportunidades em que as ruas do bairro receberam o balizamento, porém, o asfalto não foi feito, agora será. “É um asfalto realizado para tirar essa comunidade do abandono em que se encontra em matéria de pavimentação urbana”, frisou.

Junqueira informou ainda que loteamento popular existente antes desse, apenas a Cohab Tarumã que foi o primeiro loteamento feito pelo Poder Público com sorteio de casas na forma de habitação popular. “A Cohabinha, mesmo sendo então o segundo loteamento feito pelo Poder Público, ficou sem asfalto por essas quase duas décadas”, pontuou.

ZONA RURAL – O prefeito destacou ainda que a prefeitura está atuando na área rural. “No Antonio Conselheiro, por exemplo, estamos por iniciativa própria, arrumando todas as estradas. Tem lá uma equipe da Sinfra que está arrumando as estradas. Estamos atendendo, na medida das possibilidades, toda a zona rural”, disse.

Segundo Junqueira a prefeitura tem buscado apoio do Incra para que, com repasses de recursos, seja possível desenvolver ações mais amplas. “A Sinfra comandada pelo Chico Clemente aumentou sua capacidade de ação e tem trabalhado muito. Vamos buscar essa parceria com o Incra para melhorar ainda mais a qualidade do serviço oferecido. Nesse local, por hora, não tem participação do governo do estado e federal. O trabalho ali é exclusivamente da prefeitura que está fazendo o serviço de forma integral”, concluiu.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Telexfree é derrotada pela 3ª vez no Acre e pagamentos seguem bloqueados

A Telexfree continuará impedida de fazer pagamentos aos inscritos no negócio – são 450 mil, segundo a empresa. Acusada de ser a maior pirâmide financeira da história do Brasil, a Telexfree também seguirá proibida de arregimentar novos interessados. E os bens dos proprietários, suspeitos de tentarem desviar os recursos investidos pelos associados, permanecerão bloqueados.

Esses são os efeitos da decisão da 2ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Acre (TJ-AC), a terceira derrota da empresa no Estado, para além de uma em Brasília. Em sessão ocorrida nesta segunda-feira (8), o órgão, composto por três magistrados, manteve a liminar da juíza Thaís Khalil, de Rio Branco , que desde o dia 18 de junho determinou a suspensão das movimentações financeiras e da entrada de outros integrantes na rede Telexfree, bem como congelou as contas de Carlos Costa, Carlos Wanzeler, James Merril e Lyvia Wanzer. A sentença vale para todo o Brasil.

A promotora Alessandra Marques, uma das integrantes da equipe do MInistério Público do Acre (MP-AC) que investiga a Telexfree, diz não saber se a empresa conseguirá sobreviver à manutenção do bloqueio. Mas a "tendência", diz ela, é que não.

"Não faço ideia [ se a empresa fechará as portas ], mas a tendência é que ela não consiga operar, pois o sistema só funciona com mais gente entrando [o que está impedido pela decisão]", disse Alessandra ao iG logo após o anúncio da decisão.

A Telexfree ainda pode recorrer ao próprio TJ-AC, mas, após três decisões contrárias à empresa (a liminar e dois recursos), uma vitória é pouco provável ali. Outra opção é tentar levar o caso diretamente ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), mas também nesse Tribunal a empresa já sofreu uma derrota no último dia 2 de julho.

"Todos os recursos cabíveis vão ser interpostos", disse o advogado da empresa, Horst Fuchs, após a decisão.

Fuchs negou que a nova derrota coloque em risco a sobrevivência da empresa. "Não há mínima chance de isso acontecer."

A liminar foi pedida pela Ministério Público do Acre (MP-AC), responsável por acusar a empresa de ser uma pirâmide financeira. O objetivo, argumenta o MP, é garantir que quem investiu dinheiro no negócio possa ser ressarcido. Na ação civil pública apresentada à Justiça em 28 de junho, o MP-AC pede a extinção da Telexfree e a devolução de todo o dinheiro aos cadastrados.

O primeiro recurso foi negado pelo desembargador Samoel Evangelista no dia 24. Nesta segunda-feira (8), ele e as magistradas Waldirene Cordeiro e Regina Ferrari – que compõem a 2ª Câmara Cível do TJ-AC – recusaram novamente o pedido de derrubada da liminar.

A decisão foi unânime. Segundo a assessoria de imprensa do Tribunal, Evangelista argumentou que a Telexfree de fato se configura como uma pirâmide e que estimula a atividade informal. As desembargadoras Waldirene e Regina disseram concordar integralmente com a interpretação do magistrado.

A Telexfree, nome fantasia da Ympactus Comercial LTDA, informa ser uma provedora de telefonia via internet (VoIP, na sigla em inglês) que comercializa o serviço por meio do marketing multinível – um modelo de varejo em que os distribuidores ganham bônus pelas vendas feitas por outros distribuidores indicados, por eles, para a rede.

O modelo de negócios da empresa, porém, foi considerado insustentável pela Secretaria de Acompanhamento Econômico (Seae), do Ministério da Fazenda . Isso porque o faturamento da Telexfree viria, sobretudo, das taxas de adesão pagas pelos associados – chamados de divulgadores –, e não da venda de pacotes de minutos.

Para os promotores do Acre, o serviço de telefonia serve apenas para disfarçar a pirâmide financeira supostamente montada pela empresa. Entre as evidências apontadas pelos promotores estão: os associados são remunerados por postar anúncios em sites, mais do que por vender pacotes VoIP; é mais vantajoso cadastrar novos associados do que vender o serviço; e há poucos clientes que não sejam também associados.

´Maior pirâmide do Brasil´, diz MP

A promessa de ganhos expressivos permitiu que a Telexfree, uma microempresa aberta em 2010 no Espírito Santo, recrutasse até março de 2013 cerca de 450 mil pessoas, segundo Carlos Costa, um dos sócios .

Na ação civil pública, os promotores lembram que os dois últimos grandes casos de pirâmides financeiras, a Avestruz Master e a Boi Gordo, tiveram respectivamente 40 mil e 30 mil associados prejudicados. Por isso, consideram que a Telexfree constitui a maior pirâmide do Brasil.

No Acre, segundo o depoimento aos promotores de um dos principais divulgadores da Telexfree no Estado, são cerca de 70 mil – o equivalente a 10% da população do Estado.

Embora os volumes negociados pela empresa sejam desconhecidos, no dia 19 de junho, os sócios da Telexfree tentaram transferir R$ 101 milhões para as contas de outras duas empresas ligadas ao grupo. Isso levou a juíza Thaís Khalil a reiterar a determinação de bloqueio dos bens dos sócios no valor de R$ 6 bilhões. Fuchs diz que a operação era legal e serviu para pagar fornecedores.

Um dos temores do MP-AC é que, se a liminar caísse, as verbas que poderiam voltar para os divulgadores brasileiros fossem desviadas para outros países. Wanzeler e Merril, sócios da Telexfree Brasil, também fundaram, em 2002, a Telexfree Inc, nos Estados Unidos. Lá, como o iG revelou, a empresa já contratou um advogado com experiência em casos de pirâmide financeira .

Fonte: IG

Prefeito e Primeira Dama acompanham obras de asfalto no Tangará II

O Prefeito Fábio Junqueira e a Primeira Dama, Helena Simões Matias Junqueira, estiveram acompanhando no último sábado as obras de asfaltamento do Jardim Tangará II que iniciaram a pouco mais de duas semanas e já estão muito bem encaminhadas, segundo revela o próprio chefe do Executivo.

“As obras estão adiantadas e o tempo está ajudando muito. A equipe da Sinfra está fazendo um belíssimo trabalho, a contento dos moradores do Jardim Tangará II”, destaca o prefeito, salientando ainda que simultaneamente ao asfaltamento daquele bairro a equipe da Sinfra, capitaneada pelo Secretário Chico Clemente, desenvolve frentes de trabalho nos seguintes locais: Jardim Paraíso (asfaltamento completo), Avenidas lateral e de frente a Unic (asfaltamento completo e sinalização), Jardim Monte Líbano (asfaltamento), Jardim Califórnia (asfaltamento) e rua 40 no Jardim Europa.

Segundo Junqueira, mesmo tendo assumido a prefeitura em apenas seis meses, encontrado um caixa defasado e com mais de R$ 30 milhões de dívidas, está sendo possível realizar obras importantes, como por exemplo, o asfaltamento do Jardim Tangará II, bairro que há mais de 20 anos pedia por ruas asfaltadas. “O asfalto aqui é uma demanda muito antiga que agora está sendo atendida pela administração municipal”, salienta Junqueira.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Planejamento estratégico de Tangará foi discutido com equipe do TCE

Técnicas do Tribunal de Contas de Mato Grosso (TCE-MT) estiveram reunidas com o prefeito de Tangará da Serra, Fábio Junqueira, com secretários municipais e chefes de autarquias para apresentarem mais uma fase de trabalho do Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI), especificamente sobre a importância da avaliação para o planejamento estratégico do Município para até 2022.

Segundo o sociólogo Juliano Borges, que faz parte da equipe de planejamento do PDI, o encontro entre as técnicas do Tribunal de Contas, do prefeito e secretários foi essencial para a demonstração da importância dessa avaliação. “Durante a reunião destacou-se o papel da liderança dos secretários para a implementação, avaliação e adequação do projeto na medida em que as transformações vão acontecendo no município”, informou Juliano.

Ainda na quinta-feira, 04, aconteceu no gabinete do prefeito, durante essa reunião com as técnicas do TCE, a assinatura da portaria que institui o Comitê de Gestão Estratégica de Tangará da Serra. “E durante a tarde aconteceu uma oficina com os técnicos responsáveis pelo planejamento estratégico nas secretarias sobre a construção de relatórios de atividades”, disse.

Para o sociólogo a definição de uma estratégia através do PDI de para onde o município quer chegar e os meios para atingir esses objetivos é fundamental. “É importante porque os rumos, os objetivos do município são definidos e os meios para se alcançar isso. É o primeiro passo para a mudança de paradigma, deixando o paradigma travado, burocático, para um paradigma de efetividade do processo público. É um processo ainda em experimento, Tangará luta para isso, está entre os oito primeiros municípios de Mato Grosso a ter um planejamento estratégico”, destacou.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Prefeito vistoria salas construídas pelo Município para o curso de engenharia

O prefeito de Tangará da Serra, Fábio Junqueira, vistoriou juntamente com o Secretário Municipal de Educação, Junior Pimenta e o Superintendente de Governo, João Batista Ribeiro, as cinco salas de aula construídas pelo Município no campus local da UNEMAT que serão utilizadas para abrigar o curso de Engenharia Civil.

Ao todo a prefeitura construiu, com recursos próprios, cinco salas de aula com capacidade para 40 alunos cada. O valor total da obra é de R$ 270 mil. As salas de aula já serão inauguradas no início do segundo semestre da instituição. “As salas foram construídas através dessa parceria. Do empenho do Município para a realização do curso de Engenharia Civil. A prefeitura é parceira da Unemat e sempre estará a disposição da instituição”, salientou o prefeito.

De acordo com o Secretário Junior Pimenta o recurso para construção das salas via Município foi garantido com a participação do vice-prefeito e Secretário de Administração, Zé Pequeno, quando de sua atuação como vereador. “Na ocasião da garantia do recurso o Zé foi fundamental assegurando que esse valor fosse devolvido pela Câmara para o Município e dessa forma aplicado na construção das salas de aula na Unemat”, explicou Pimenta.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Fábio entrega troféus e medalhas a vencedores dos Jogos Escolares

Aconteceram nesta terça-feira, 02, as finais dos Jogos Escolares Estaduais – fase Municipal, sediados em Tangará da Serra. O prefeito Fábio Junqueira acompanhado dos Secretários de Esporte, Charles Laurini, de Educação, Junior Pimenta e do Superintendente de Governo, João Batista Ribeiro, realizou a entrega das premiações pela competição.

Junqueira entregou as medalhas e troféus aos vencedores, os parabenizou e em seu discurso, destacou a organização da Secretaria Municipal de Esportes que, segundo ele, ofereceu à população, uma fase bem organizada e estruturada. “O Secretário Charles está de parabéns pela organização dessa fase municipal dos Jogos em sua 9ª edição. As equipes também merecem todo o destaque pelo empenho em sua participação”, destacou o prefeito.

O prefeito frisou ainda a importância da realização de eventos como esse. “Sempre que tivermos a oportunidade de promover competições, garantindo a nossa participação em jogos, torneios e campeonatos dessa importância, vamos nos empenhar ao máximo para garantirmos a nossa participação”, afirmou.

Charles Laurini fez ainda um breve balanço da fase municipal dos Jogos Escolares Estaduais. “Estou muito orgulhoso da nossa equipe que se empenhou ao máximo para realizar essa competição. Agora vamos torcer para que as equipes que representarão Tangará na fase regional a partir do próximo dia 8 em Diamantino consigam garantir a nossa vaga na fase estadual”, concluiu o secretário.

Fonte: Assessoria de Imprensa


UNEMAT reúne gestores e coordenadores de cursos para discutir investimentos e procedimentos administrativos

A Universidade do Estado de Mato Grosso reúne diretores e gestores da instituição para discutir e planejar as ações de ensino, pesquisa, extensão e investimentos para 2013 e para os próximos anos. O encontro esta ocorrendo no auditório da Secretaria de Estado de Educação em Cuiabá.

Estão participando da reunião de trabalho os diretores de unidade regionalizada dos campi, diretores de Faculdades, coordenadores de cursos, pró-reitores, vice-reitor Dionei José da Silva e reitor Adriano Silva. O secretário de Ciência e Tecnologia, Rafael Bello Bastos e o representante do Conselho Estadual de Educação, Carlos Alberto Caetano e o presidente da Fundação de Amparo a Pesquisa (Fapemat) Flávio Telles, também participaram do encontro.

A reunião de trabalho tem como objetivo encaminhar e dirimir dúvidas dos gestores quanto aos processos e formalidades legais no que tange a realização de testes seletivos de professores, bancas, programa de bolsas de iniciação a docência, mobilidade acadêmica pela Pró-reitoria de Ensino. Fomento a extensão, bolsas e revista de extensão pela Pró-retoria de Extensão e Cultura, pós-graduação lato sensu, afastamentos para qualificação profissional pela Pró-reitoria de Pesquisa e Pós-graduação e a política de assistência estudantil, relativo ao seguro de vida dos acadêmicos e política de bolsas pela Pró-reitoria de Assuntos Estudantis e contratações ligadas a Pró-reitoria de Administração.

Na oportunidade o reitor da Unemat, Adriano Silva, lembrou que a previsão da instituição é executar um grande programa de investimentos em todos os campi e cursos da Unemat, neste ano na ordem de R$ 30 milhões para suprir uma demanda represada como aquisições de livros, equipamentos e adequações físicas.

Fonte: Redação RP com Assessoria