Definidas as 20 candidatas do Miss Comerciária 2013

Deiziane de Almeida Pereira (Justo Autoescola), Camila Souza de Santana (Escritório Contábil Iporã), Marcela Silva Chaves de Paula (Pampa Valtra), Pâmela Quintino da Silva (Perfumaria Orvalho), Taynara Rodrigues dos Santos (Mercado Gonçalves), Nayara Vanessa da Silva Ferreira (Vibemania), Juliana Soares de Melo (Fiel Contabilidade), Vânia Pietroski (Super Barateira), Stephanie Paula Santos Valeiro (Coisa Nossa), Kamila Artiaga de Souza (Loja Brasil), Priscila Gaspari da Silva (Lojas Americanas), Dayane Baratelli Trindade (Colchões Ortobom), Juliana Villacien da Costa (Posto Shopping), Gleicy Kelly Vieira dos Santos (Atuallis Moda Masculina), Flávia Carolina Almeida Dantas (Oeste Veículos), Ana Carolina Rozetti Rezende (Maxxicase Máquinas), Bruna Baruffi (Hipermercado Gotardo), Francielle Pereira Cunha Cavalcanti (Inove Cosméticos), Luiza Carolina de Aguiar (Amarelina) e Carmem Suellen Cebalho (Ótica Pupila) são as 20 candidatas que concorrerão ao título de Miss Comerciária 2013.

Segundo os organizadores do evento, ao todo foram 32 inscrições, sendo 20 pré-selecionadas para participar do concurso. “Já tivemos uma reunião com todas as candidatas e no próximo dia 18 de julho faremos uma apresentação das mesmas para a imprensa local”, disse o representante da Revista Imagem – que está organizando o evento – Jucemilson Nazário, destacando que serão agora iniciados os ensaios com a profissional Marta Dionísio, da Academia Maria da Glória.

O baile para escolha da mais bela representante do comércio tangaraense será no dia 10 de agosto, a partir das 21h, no CTG Aliança da Serra. Na ocasião, além de eleger a Miss Comerciária 2013, o Sindicato dos Empregados no Comércio em Geral de Tangará da Serra e região (Secgts), realizador do evento, irá comemorar os 20 anos de fundação da entidade.

Fonte: Redação DS

Kleber Botafogo se prepara rumo ao Panamericano

O tangaraense Kleber Botafogo segue se preparando para fazer uma boa participação no ‘Panamericano de Karatê’, que acontecerá nos dias 04 à 08 do próximo mês na cidade de Guarujá (SP). Campeão brasileiro e Tri-campeão mato-grossense, o karateca pretende fazer bonito na competição e mais uma vez representar bem o nome de Tangará da Serra e do Estado.

“Vou para essa competição com uma tranquilidade maior em relação a outras competições que esse ano disputei. Porém, nesse evento encontrarei um nível técnico de atletas mais elevado e um numero de competidores bem acima da realidade em que eu sou acostumado a enfrentar”, comentou o karateca.

Os compromissos cotidianos como o trabalho e faculdade limitaram os treinos do karateca, mas não foi o suficiente para intimidar o talento do tangaraense. “Ainda assim me disciplinei para cumprir o cronograma dos treinos onde treinava depois das aulas a noite e por diversas vezes acordava de madrugada”, disse Botafogo, destacando o apoio que tem do Campeão mundial Sensei Felipe. “Me sinto honrado em fazer parte da equipe do Sensei Felipe e ser seu aluno”, afirmou o campeão brasileiro, que caminha para reta final do curso de Direito.

Karateca agradece apoio de empresa parceira

O karateca Kleber Botafogo aproveitou para agradecer ao apoio que uma empresa privada presta a ele neste grande evento. O grupo Maxxi Case acreditou no potencial e no talento do tangaraense e firmou parceria com o mesmo em sua participação no Panamericano. “Agora me sinto no compromisso de representar a marca como extrema eficácia”, disse o karatece, que também agradece ao vereador Fabio Brito (PSDB) que sempre o apoia nas competições.

“Gostaria de agradecer a toda a população tangaraense que me apoia. Por onde quer que eu vá encontro pessoas que nem as conheço, mas por conta da mídia ficam sabendo dos resultados como atleta e me lisonjeiam e deixam congratulações e apoios infindos”,finalizou.

Fonte: Redação DS

Sindicato Rural realiza coletiva com a imprensa para anunciar programação da 22ª Exposerra

O Sindicato Rural de Tangará da Serra realizou na manhã desta sexta-feira uma coletiva com a imprensa para anunciar a programação da 22ª Exposerra e 33ª Festa do Peão, que acontece de 4 a 8 de setembro no Parque de Exposições.

Além das tradicionais exposições de produtos, animais e serviços a Exposerra oferecerá as melhores opções de entretenimento, lazer e atrações culturais com shows nacionais e rodeios emocionantes montarias e acirradas disputas entre os peões.

O presidente do Sindicato Rural, Ricardo Daher, falou sobre a programação de shows e a venda do passaporte premiado. O primeiro lote estará disponível nos pontos de venda até o dia 31/07 pelo valor de R$ 70. O segundo lote será vendido do dia 1/08 ao dia 31/08, e custará R$ 80. Já o terceiro lote do passaporte estará disponível para venda a partir de 1/09 e custará R$ 90. Daher explica que o passaporte dará direito a participação no sorteio de cinco carros para cada noite da Exposerra.

Camarotes também já estão sendo disponibilizados para venda com capacidade para até dez pessoas, pelo valor de R$ 3 mil. Na bilheteria, os ingressos custarão R$ 40 no dias 4 e 7 de setembro e R$ 30 nos dias 5,6 e 8. 
A programação inicia no dia 4, quarta-feira a partir das 19h com abertura oficial, seguindo com o sorteio de um automóvel Celta OKM, às 22h e finalizando com o mega show da dupla Fernando e Sorocaba.

Na quinta-feira, 5, as 20h acontece a abertura do Rodeio, as 22h30 sorteio de um Ford KA 0KM e as 23h30 show com a dupla Marcos e Belutti. Na sexta-feira, 6, as 20h inicia o Rodeio, as 22h30 será realizado o sorteio de um Fiat Uno Mille 0KM e as 23h30 show com Israel e Rodolfo. 

No sábado, o rodeio inicia as 20h, seguindo com sorteio de um Ford KA 0KM e as 23h30 show com a banda Skank. No último dia de Exposerra, domingo, 8, acontece a final do rodeio as 20h, as 22h30 sorteio de um Celta 0KM e as 23h30 encerramento.

Sobre o Rodeio, o presidente ressaltou que a organização ficará por conta da ‘Equipe Renato Souza’, e a premiação será em torno de R$ 50 mil. Daher falou ainda sobre o Parque de Diversões, que poderá contar com novidades e os grandes leilões. Uma questão de destaque é a mudança na acessibilidade para essa edição. “Fizemos um negócio legal para os cadeirantes no passado, mas eles pediram que o local fosse mais alto e desta forma conseguimos fazer com que o local ficasse em uma bancada maior”, fala.

A cavalgada de abertura da Exposerra será realizada no dia 31 de agosto, a partir das 9h.

Fonte: Redação RP

Delegacia Regional empossa prefeito na presidência da Junta de Serviço Militar

A 10ª Delegacia de Serviço Militar de Rosário Oeste, que coordena as 17 juntas de serviço militar dos municípios da região, empossou o prefeito Fábio Martins Junqueira na presidência da Junta de Serviço Militar de Tangará da Serra. A posse ocorreu em solenidade no Gabinete do Prefeito, na manhã desta quarta-feira, dia 26 de junho, às 9h.

“Cabe ao presidente da junta dar o suporte ao funcionamento na cidade, por isso os prefeitos presidem. É o responsável pelo Município, que fica responsável pela Junta de Serviço Militar e consequentemente pelo atendimento ao cidadão”, explica o delegado da 10ª Delegacia, capitão Walter Firmino Neto.

Após ser empossado no cargo o prefeito Fábio Junqueira reafirmou o compromisso de Tangará da Serra em manter serviços de qualidade aos cerca de 1.200 jovens que se alistam todos os anos na cidade. “Temos intenção de melhorar a estrutura da Junta de Serviço Militar”, afirmou Junqueira ao elogiar o trabalho do secretário da Junta, Rubens Augusto de Souza.

“Com muito orgulho que sou empossado na presidência pelo capitão Firmino. Se trata de uma questão da Pátria. O alistamento é um momento importante na vida do jovem, quando se coloca a disposição para a defesa da Pátria e o Brasil, apesar de ser País pacífico, atua em missões de paz, então é importante o Exército para a Segurança Nacional e a defesa da soberania. E isso só é possível pela decisão do jovem em alistar-se e aqui nos município pelo oferecimento dessa oportunidade nas juntas de serviço militar”, lembra o prefeito.

De acordo com o capitão Firmino, a Delegacia Regional de Serviço Militar registra em média até 3 mil e 500 alistamentos por ano. “Tangará demonstra sua pujança através dos números”, conta o capitão ao lembrar que a cidade registra em torno de mil e duzentos alistamentos por ano.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Saúde diminui déficit com entrega de 50% a mais de medicamentos

A Secretaria Municipal de Saúde de Tangará da Serra conquistou 50% a mais de medicamentos do que em anos anteriores. A informação foi confirmada pela chefe da pasta, Helena Maria Cavalini, que comemorou a conquista anunciando diminuição considerável no déficit de remédios no município.

Segundo a Secretária o aumento na entrega de medicamentos pelo Estado a Tangará da Serra se deve à persistência dos profissionais da Saúde local. “Fizemos uma busca persistente junto aos setores. Visitei Cuiabá em uma sexta-feira e depois na segunda-feira, coloquei nossas dificuldades, as dificuldades do Município e participei de uma reunião do Conselho Estadual de Saúde onde apresentei nossas demandas”, disse.

Helena informou que apresentou a lista de medicamentos necessários para o Município ao Estado e conseguiu quantia superior do que o município recebia em outras ocasiões. “Ainda não é o suficiente, mas esse déficit vai diminuindo gradativamente. Temos 50% a mais do que tínhamos quando assumimos e assim pretendemos aumentar o número até não necessitarmos mais”, salientou.

A Secretária agradeceu o empenho dos profissionais. “Agradeço o empenho de todos. O trabalho tem sido desempenhado com eficiência. A demanda é grande, entendemos isso e pedimos que a população entenda que trabalhamos arduamente para solucionarmos os problemas. O déficit desses medicamentos é de oito anos pelo menos, são medicamentos com liminares, da farmácia de alto custo e 172, uma necessidade constante que temos”, frisou.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Novo projeto de reajuste tramita na Câmara

O Município de Tangará da Serra quer ampliar o reajuste salarial dos servidores públicos municipais. Já tramita no Legislativo o Projeto de Lei 102, de 21 de junho, que dispõe sobre concessão linear de diferença de revisão geral anual nos vencimentos dos servidores e autarquias.

Na Mensagem encaminhada com o projeto o prefeito Fábio Martins Junqueira explica que a concessão de 1,14%, relativa a diferença apurada entre 5% (cinco por cento) e 6,19%, incidente sobre o INPC – Índice de Preços ao Consumidor medido no período de Janeiro/2012 a Janeiro/2013, que foi de 6,19%.

De acordo com o prefeito, em atenção a Lei 4.016, de 24 de maio de 2013, no mês de maio de 2013 os servidores públicos municipais receberam revisão geral anual no percentual de 5% (cinco por cento), faltando, portanto, uma diferença de 1,19%. “Essa proposta de revisão linear em 1,14% é porque a aplicação de 5% já incidiu nos vencimentos do mês de maio e, considerando a incorporação desse percentual em tais vencimentos, ambos percentuais atingem a revisão geral anual de 6,19%”, afirma o prefeito na Mensagem aos vereadores.

De acordo com o texto encaminhado aos vereadores, o percentual linear de 1,14% incidirá apenas sobre o vencimento dos servidores e adicionais legais (tempo de serviço, insalubridade, periculosidade e penosidade, não alcançando adicionais, funções gratificadas e ajuda de custo, mantendo os adicionais legais. Além disso, o reajuste, se aprovado pelos vereadores, vigorará a partir do dia 1º de junho de 2013.

Os servidores ocupantes de cargo de provimento em comissão, o percentual de reajuste de 1,14% incidirá somente sobre o vencimento, excetuando-se os adicionais, gratificações e auxílios de qualquer natureza.

SERVIDORES CONTRATADOS

A revisão geral anual também não se aplicará aos servidores contratados pelo regime celetista (CLT – Consolidação das Leis do Trabalho), agentes saúde ambiental e agentes comunitários de saúde. O motivo é que estes cargos relativos a programas federais recebem reajustes concedidos pelo Governo Federal na portaria que repassa os recursos para a contratação. Em 2013 o reajuste desses contratados foi de 9,07% e ocorreu no mês de março, retroativo ao mês de janeiro.

GRUPO OCUPACIONAL I

Como forma de correção das distorções existentes relativamente aos ocupantes do Grupo Ocupacional I, cujo vencimento base atualmente é menor do que o Salário Mínimo Nacional vigente, o projeto propõe aumento salarial de mais 2%, a ser praticado após a revisão geral anual de 1,14%.

“Nossa intenção é estabelecer uma política salarial de forma setorizada, começando com o Grupo Ocupacional I e se estendendo aos demais, na medida em que os limites de despesas com pessoal permitam avanços nesse sentido”, explica o prefeito Fábio ao lembrar que pertencem ao Grupo Ocupacional I os servidores lotados na Secretaria Municipal de Educação (Nível Alfabetizado), e servidores lotados em diversas outras Secretarias.

PREVISÃO LEGAL

A revisão geral anual tem fundamento constitucional no inciso X, do artigo 37, da Constituição Federal de 1988 e no artigo 77, da Lei Orgânica Municipal. O objetivo da revisão é promover a reposição de eventuais perdas salariais sobre os vencimentos dos servidores públicos.

A proposta ainda atende o artigo 16 da Lei Complementar 101/2000 (Lei de Responsabilidade Fiscal), quanto ao respeito a estimativa do Impacto Orçamentário e Financeiro, seguindo ao Legislativo acompanhada da declaração do ordenador da despesa de que a revisão e o aumento tem adequação orçamentária e financeira com a lei orçamentária anual e compatibilidade com o Plano Plurianual e com a Lei de Diretrizes Orçamentárias conforme Estudos de Impacto Orçamentário e Financeiro.

DIFERENÇA SERÁ PAGA EM JULHO

De acordo com o secretário municipal de Administração, vice-prefeito José Pereira Filho, o Zé Pequeno, a diferença salarial – caso seja aprovada pela Câmara Municipal na Sessão Extraordinária anunciada para esta quarta-feira, dia 26 – será paga na folha do mês de julho, retroativo ao mês de junho. “Tal procedimento se faz necessário para não prejudicar o pagamento da folha nesta sexta-feira, dia 28”, explica o secretário.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Tangará realiza em julho sorteio das casas populares do Governo Federal

O sorteio das casas populares do Governo Federal nos bairros Barcelona e Valência deverá ser realizado no mês de julho, informou o Prefeito Fábio Junqueira em entrevista à Rádio Pioneira.

As residências do programa Minha Casa Minha Vida estão em fase de acabamento. Serão sorteadas 496 casas no bairro Barcelona e pouco mais de 400 no Valência, totalizando mil residências entregues.

Conforme o prefeito hoje está sendo concluído o edital que será publicado com a lista dos inscritos regulares no Sistema de Habitação, proponentes da faixa 1 para participação no Minha Casa Minha Vida.

A partir da publicação, o Município fará o encaminhamento dos procedimentos para realização do sorteio. “Após o sorteio, os nomes dos contemplados serão fornecidos para Caixa Econômica Federal que fará uma triagem para averiguar quem serão os aprovados pelo Sistema de Controle do Governo Federal” , explica Junqueira.

O prefeito aproveitou a oportunidade para dizer que recentemente recebeu a informação do questionamento feito à Caixa Econômica sobre a não existência de estruturas comunitárias no loteamento, provocando dificuldades em atendimentos nas áreas da saúde e educação. “Tivemos resposta da Caixa Econômica de que foi contemplado um aditivo no Barcelona e Valência, dando direito a dois ‘equipamentos’. E assim nos manifestaremos pela construção de uma escola e uma Unidade de Saúde da Família”, fala.

Com a conclusão do cadastro, afirma o chefe do Executivo, o próximo passo será determinar a data do sorteio no mês de julho. “As casas serão concluídas e a entrega poderá ocorrer em outubro ou até um pouco mais. As obras estão em andamento”, finaliza.

Fonte: Redação RP

Professores de Tangará participam de formação do Projeto Agora em Barra do Bugres

Professores de escolas que fazem parte do ‘Estudo Municípios Canavieiros 2013 – Bioeletricidade’ de Tangará da Serra participam de uma formação que será realizada nesta quarta-feira na cidade pólo, Barra do Bugres.

A ação educacional é uma iniciativa do Projeto Agora, principal ação de comunicação institucional integrada do agronegócio brasileiro, com a participação de 10 entidades e cinco empresas.

Organizado de forma direcionada ao Ensino Fundamental II (8º e 9º anos), o “Estudo” mostrará as vantagens e desvantagens do uso de todas as fontes energéticas e o melhor caminho para se garantir uma variada e segura matriz energética. Os estudantes trabalharão em sala de aula os diversos tipos de energia existentes no Brasil, como a extraída da cana, a eólica, a solar e a produzida por termelétricas movidas a combustíveis fósseis, como o carvão, o gás natural e derivados do petróleo.

Em 2013, a missão do Estudo é envolver escolas públicas municipais e estaduais de 100 cidades selecionadas nos estados de Alagoas (AL), Goiás (GO), São Paulo (SP), Mato Grosso (MT), Mato Grosso do Sul (MS), Minas Gerais (MG), Paraíba (PB), Paraná (PR) e Pernambuco (PE). A expectativa é que 210 mil estudantes sejam impactados.

O processo de atividades do “Estudo” será realizado em duas etapas: oficinas de formação de professores no 1º semestre de 2013 e, no 2º semestre, após os trabalhos em sala de aula, encontros de encerramento, nos quais os professores devem apresentar os trabalhos desenvolvidos, comentar os resultados e trocar experiências.

A coordenadora pedagógica da Secretaria Municipal de Educação (SEMEC) Iolanda Garcia explica que a formação será realizada durante a tarde e terá quatro horas de duração. “A equipe que produziu o material que os professores irão trabalhar nas escolas dará as instruções de como ele deve ser abordado pedagogicamente”, diz.

Neste ano de acordo com ela o foco é a bioeletricidade, principalmente voltado para os municípios canavieiros. “A equipe fará um histórico da produção de energia desde os tempos pré-históricos, chegando às fontes de energias, nas matrizes enérgicas mais recentes e como foco também os municípios canavieiros que fazem a produção da energia com o próprio bagaço de cana”, fala. As turmas selecionadas irão trabalhar com esse material e essas escolas o receberão para complementar aulas já programadas.

PROJETO AGORA

O Projeto AGORA é a maior iniciativa de comunicação institucional integrada já implantada no Brasil, unindo empresas e entidades que fazem parte da cadeia produtiva da cana-de-açúcar. O Projeto já conta com apoio das empresas Basf, Dedini, FMC, Monsanto e Syngenta, além das entidades ALCOPAR (Associação dos Produtores de Bioenergia no Estado do Paraná); BIOSUL (Associação dos Produtores de Bioenergia do Mato Grosso do Sul); SIAMIG (Sindicato da Indústria de Fabricação do Etanol no Estado de Minas Gerais); SIFAEG (Sindicato da Indústria dos Fabricantes de Etanol do Estado de Goiás); SINDALCOOL/MT (Sindicato das Indústrias Sucroalcooleiras de Mato Grosso); SINDALCOOL/PB (Sindicato da Indústria de Fabricação de Álcool do Estado da Paraíba); SINDAÇÚCAR/PE (Sindicato da Indústria do Açúcar e do Álcool no Estado de Pernambuco); SINDAÇÚCAR/AL (Sindicato da Indústria do Açúcar e do Álcool no Estado de Alagoas); ORPLANA (Organização dos Plantadores de Cana da Região Centro-Sul); e a UNICA.

Fonte: Redação RP

Ministro confirma Tangará no programa de aeroportos regionais

O Município de Tangará da Serra foi confirmado entre os 13 municípios de Mato Grosso que receberão investimentos no Programa de Investimentos em Aeroportos Regionais. A confirmação foi feita pelo ministro-chefe da Secretaria Nacional de Aviação Civil, Moreira Franco, em reunião com prefeitos mato-grossenses de pelo menos 16 cidades, em Brasília.

“A modalidade de aeroporto regional não tem a finalidade de dotar todos os municípios brasileiros de aeroportos regionais. O próprio nome já diz, aeroporto regional é para uma região geográfica”, afirmou Moreira Franco aos prefeitos, destacando que para definir os municípios que seriam incluídos no programa a Secretaria Nacional de Aviação Civil levou em consideração critérios técnicos que dizem respeito a população e localização geográfica.

Ao usar a palavra durante o encontro com o ministro, o prefeito Fábio Junqueira, lembrou que Tangará da Serra é polo regional e já conta com uma pista de 1.900 metros – o que facilita a adequação para o aeroporto regional. Além disso, o prefeito garantiu que caso haja necessidade de complementação de área o Município está disposto a fazê-la, embora por hora não haja solicitação da equipe técnica neste sentido.

Na reunião, Fábio e os prefeitos das outras cidades contempladas foram informados que os projetos dos aeroportos estão sendo realizados e serão apresentados em uma nova reunião, no mês de setembro. Outra informação é que todos os aeroportos terão a mesma dimensão e estrutura. A intenção é que os 13 aeroportos regionais sejam capacitados para dar suporte tanto para a aviação regional, como para dar o suporte para planos alternativos de solução aeroportuária para o aeroporto internacional de Cuiabá.

Os investimentos, portanto, serão equitativos, com redução de valores em um ou outro aeroporto apenas em função de estruturas já existentes. No caso de Tangará da Serra, por exemplo, a pista de 1.900 metros de extensão poderá ser aproveitada pelo projeto – o que será definido pela equipe técnica que ainda elabora os projetos.

Os gestores municipais foram informados ainda que após a apresentação dos projetos técnicos em setembro, será deflagrado o processo licitatório dentro do regime de contratação diferenciada. As obras serão licitadas em bloco para todos os aeroportos e serão realizadas na medida em que vão sendo concluídos os projetos. Moreira Franco confirmou ainda que a intenção do Governo Federal é concluir todas as obras até julho de 2014.

“A reunião foi muito boa porque acabou confirmando o Município de Tangará como Município com aeroporto regional, ou seja, incluído no Sistema de Aviação Regional. Temos Cuiabá como capital, com aeroporto internacional, e Tangará da Serra deverá receber seu aeroporto regional com capacidade para aviões a jato, de porte grande”, avaliou o prefeito Fábio Junqueira.

HANGARES

Fábio conta que durante a reunião perguntou ao ministro se o Município pode buscar formas de viabilizar a construção de hangares para aeronaves. A questão é pertinente diante do interesse do Município e da preocupação em não prejudicar o projeto em fase de elaboração.

“Ficamos liberados para estar resolvendo o problema dos hangares para a guarda das aeronaves”, afirmou Junqueira ao explicar que um anteprojeto será elaborado para ser encaminhado ao Legislativo Municipal. A intenção é conseguir autorização para realizar concessão onerosa. Com os recursos arrecadados pelo Município com a concessão dos hangares, o prefeito espera custear a manutenção do aeroporto municipal.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Para Sommavilla, Câmara de Tangará acerta promovendo audiências públicas

Em entrevista ao programa O Povo no Rádio nesta 6ª-feira, o vereador do PV, Silvio Sommavilla, falou sobre a participação popular nos manifestos que acontecem em todo o país, inclusive em Tangará da Serra. Ele lembrou, na oportunidade, que a Câmara de Tangará da Serra tem buscado a participação da população para as decisões. “Nós temos cinco sessões temáticas, audiências públicas já marcadas. A população está sendo chamada para discutir. Jamais teremos problemas como os que são vividos hoje no Transporte coletivo se a população se manifestar” disse.

Sobre este tema foram apresentados, ao vivo, vários questionamentos de ouvintes do programa, que vivem problemas no setor. O vereador afirmou que já há na Câmara estudos sobre a questão. “Já estou sugerindo re-estudo dos itinerários, ar condicionado, que é algo de que não podemos abrir mão também, frota semi-nova, mais itinerários com um re-estudo inclusive, ônibus com cobrador, frota suficiente inclusive, entre outros”, afirmou.

Sommavilla lembrou que é muito importante que o povo participe das discussões. “A população ficou quieta durante muitos anos no Brasil diante de decisões que acabaram sendo tomadas em gabinetes. A população ficou em silêncio, mas não digeriu e o resultado está se vendo aí. Estamos muito dispostos a debater, a discutir com a população”, declara.

O tema Transporte Coletivo em Tangará da Serra estará em discussão em audiência pública, que a princípio estava marcada para ontem (20) e foi re-marcada para 1º de julho, às 19h30min no Centro Cultural.

O adiamento da audiência - Em relação ao adiamento da data, o vereador explicou que houve bom senso, um entendimento entre as autoridades e os organizadores do manifesto público realizado ontem. “Houve sensibilidade de todas as partes. O manifesto deu certo, porque está sendo organizado com seriedade. Os organizadores sentaram com a polícia, Câmara e Prefeitura e dialogaram. Fazer audiência para discutir só o transporte? Se fosse só o transporte até poderia ser feito em praça pública, mas não é o único foco do manifesto”, lembrou o vereador.

O manifesto popular – Sobre a manifestação da população tangaraense, realizado nesta 5ª feira, e os manifestos que acontecem em todo o país, o vereador disse estar feliz por poder participar desta história. “Este momento foi protelado já há muito tempo e estamos felizes por fazer parte desta história. O exercício da cidadania na sua essência fortalece a democracia. Isto está sendo mostrado em todo o país, até fora do país e também aqui em Tangará da serra. O importante é participar, independente da maneira como se pensa. Começa-se a buscar finalidades, um foco. A soberania está na população, mas de uma forma organizada”, afirmou.

Indagado sobre ter algum receio, como político em exercício de cargo, o vereador afirmou: “Para quem está na política é um grande teste. Ou joga limpo ou sai ‘de fininho’. Tenho zero de medo. Sinto-me protegido porque a intenção é fazer as coisas certas”.

Redação RP

Vereador apresenta projeto que exige cobrador em ônibus

O vereador Welliton Duarte falou sobre o assunto em entrevista ao programa O Povo no Rádio nesta 6ª-feira. “Já fica o convite aqui para a população. No dia 1º de julho vamos discutir sobre as exigências que temos que fazer para o transporte coletivo em Tangará”, disse, referindo-se à audiência pública que acontecerá no Centro Cultural.

O vereador confirmou também que apresentou na Câmara um projeto que tramita em regime de urgência simples, exigindo a presença de cobradores nos ônibus do transporte coletivo em Tangará da Serra. “Além de cobrar a passagem ele pode ser um auxiliar. É preciso. A comunidade está reclamando muito que o ônibus atrasa por causa desta condição, do motorista cobrar e ter que abrir portas de ônibus”, afirmou o vereador.

Durante a entrevista, o vereador também se comprometeu a verificar por que em vários bairros tangaraenses não existe atualmente o serviço dos correios. “Recentemente fizemos parceria, o município com o correio, para contratar pessoas para entregar correspondências nos Distritos de São Jorge, Joaquim do Boche e Triângulo. Faço o compromisso de ir lá, verificar o motivo, o que está acontecendo. Este é o papel do vereador, e nós vamos ver o que está acontecendo”, disse Welliton.

Os manifestos populares – Sobre a mobilização dos brasileiros pelo país afora e também em Tangará da Serra, o vereador afirmou: “Esses manifestos são todos bem vindos. Tangará de uma verdadeira aula sobre como os manifestos devem acontecer. Desde que pacíficos, estes manifestos são muito bem vindos. Sou do PT, mas defendo o que é bom e discordar do que não é bom, como os gastos com a copa do mundo, que eu não concordo. As pessoas tem mesmo que fazer estes manifestos, desde que sejam pacíficos”.

Fonte: Redação RP

Manifesto reúne cerca de 5 mil pessoas em Tangará da Serra

Segue tranquilo até este momento o manifesto ´Tangará Acordou´. Os manifestantes seguiram conforme previsto, pela Avenida Brasil, levando faixas e cartazes.

Neste momento estão concentrados na Praça dos Pioneiros. Em frente à Prefeitura Municipal um pequeno grupo tentou fazer um manifesto, mas não houve incidentes.

Os organizadores do Manifesto destacam como pontos principais de reivindicação: CPI da saúde em Mato Grosso, hospital regional e revitalização do SAMU, educação de qualidade com aplicação de 10% do PIB, redução de impostos, contra a PEC 37, verba para o esporte no município e transporte de qualidade e gratuito para estudantes. 

Cerca de 50 policiais fazem a segurança dos manifestantes e também da população. A orientação repassada aos policiais nesta tarde foi no sentido de manter a tranquilidade e orientar os manifestantes caso necessário.

Fonte: Redação RP

Policiais receberam orientações para acompanhar manifesto em Tangará

Mais de 50 policiais entre militares e civis estiveram presentes no manifesto público realizado nesta 5ª-feira em Tangará da Serra.

O grupo foi orientado pelo Major Cruz, comandante local da PM para atuar no sentido de garantir tranqüilidade a toda a população. “Nós colocamos todo efetivo de que dispomos: a inteligência, a força tática, o serviço ordinário e o pessoal de folga também veio. Todos no afã de trazer segurança nesta caminhada, nesta manifestação, que acreditamos de um cunho bastante importante para a sociedade. Temos fé de que ocorrerá tudo de forma pacífica e ordeira, uma vez que o povo de Tangará da Serra tem esta característica”, afirmou.

O comandante disse à reportagem da Rádio Pioneira que existem diversas informações chegando para as autoridades sobre possíveis pichações em órgãos públicos. “Temos vários informes. Assim como em outros estados do país vemos todos dizendo que são pacíficos e ordeiros, mas infelizmente, vimos acontecer imprevistos de pessoas que não estão com esta intenção. Estamos aí para evitar, para orientar, para dar tranqüilidade a quem está e também a quem não está participando da manifestação”, declarou o Major.

Em relação ao risco de delitos, o Major Cruz explica que a primeira atitude da polícia será sempre a de orientar, mas ser for preciso haverá contenção. “Sempre vamos orientar para evitar que qualquer delito seja cometido, mas se não for possível, a Polícia Militar estará presente para fazer a condução”, disse.

Fonte: Redação RP

Tangará da Serra entra no circuito das manifestações populares

Um grupo de acadêmicos da UNEMAT, campus de Tangará da Serra está à frente da organização de um manifesto popular com data marcada para quinta-feira (20). Será uma caminhada com saída marcada para as 18 horas, saindo do estacionamento do supermercado Big Master da Vila Alta (no encontro das avenidas Brasil e Mauá).

Os manifestantes deverão seguir pela Avenida Brasil, a principal da cidade, até a sede da OAB – Ordem dos Advogados do Brasil, onde acontecerá nesta mesma data, a partir das 19h30min., uma audiência pública para discutir o transporte coletivo na cidade. A audiência pública foi convocada pela Câmara de Vereadores que tem recebido inúmeras reclamações em relação à falta de qualidade no serviço atualmente oferecido no setor.

A acadêmica do curso de Administração da UNEMAT Aline Gramarin participou do programa O Povo no Rádio da Pioneira nesta 3ª feira, destacando que o manifesto é pacífico. “Quem for participar, que venha com o coração aberto. Não queremos violência. Queremos dizer que somos jovens, que não estamos satisfeitos, e que estamos aqui para lutar também, com o Brasil”, disse a jovem.

Os organizadores pretendem contar com a participação de acadêmicos da UNEMAT e UNIC alunos das escolas Estaduais e demais tangaraenses que tenham interesse no tema.

Segundo a acadêmica Aline, as reivindicações no manifesto vão além da qualidade do transporte coletivo. “Nós queremos melhorias para mato grosso que hoje é um dos estados mais esquecidos do país, mas queremos melhorias para o Brasil também. O Voto é obrigatório e nossa participação é obrigatória também, porque só participando podemos pedir melhorias. Esta data será histórica para Tangará da Serra”, destacou a acadêmica.

O manifesto público, segundo a acadêmica, é uma oportunidade para que todos expressem suas reivindicações, desde que de forma ordeira e pacífica. “A gente quer deixar o convite a todos que estiverem dispostos a uma caminhada pacífica, sem violência. Tragam suas faixas e cartazes. Estamos pedindo que venham com camisetas das cores da bandeira nacional: branca, azul, verde ou amarela. Não queremos vandalismo. Inclusive a Guarda Municipal e Polícia Militar estão convidadas a nos acompanhar. Todos podem se manifestar e cobrar tudo que acharem necessário. Não tem um ponto de cobrança apenas. Vamos cobrar transporte, saúde, melhores salários para os professores. Queremos que todos tenham a oportunidade de se manifestar da maneira que acharem melhor”, finalizou Aline.

Fonte: Redação RP

Começou a fase municipal da nona edição dos Jogos Escolares

Teve início na manhã desta terça-feira, dia 18, às 8 hs da manhã a fase municipal de Tangará da Serra da 9ª edição dos Jogos Escolares Mato-Grossenses. A abertura foi declarada pelo prefeito Fábio Martins Junqueira (PMDB), acompanhado do secretário municipal de Esportes Charles Laurini, em solenidade com a presença do membro da Comissão de Educação e Esportes, vereador Sebastian Ramos (PSB), representando a presidência da Câmara Municipal, além do líder do prefeito na Câmara, vereador Wellington Bezerra (PR), e vereadores Vagner Constantino (PSDB), Weliton Duarte (PT) e Rogério Silva (PSB).

“Já tive uma conversa com o líder, vereador Wellington Bezerra, estamos verificando a possibilidade de realizarmos em Tangará a fase regional dos Jogos Escolares”, anunciou o prefeito, durante a abertura do evento. Segundo o prefeito, promover competições esportivas é importante porque os jogos oportunizam aos estudantes condições de igualdade, permitindo que jovens atletas se destaquem.

A organização do evento também conta com apoio da Secretaria de Estado de Educação e Cultura (Seduc), através da Assessoria Pedagógica, e da Secretaria Municipal de Educação e Cultura (Semec). No total participam dos jogos 24 escolas entre municipais, estaduais e particulares de Tangará da Serra, com mais de 900 atletas inscritos.

Durante a fase municipal, até o próximo dia 28, serão realizados mais de 180 jogos nas modalidades: Basquete, Handebol, Vôlei e Futsal, masculino e feminino. “Nossa orientação aos estudantes é que participem e se esforcem pela vitória, mas com bom senso, comprometimento com um jogo justo, comportamento ético e integridade”, afirmou o sectretário Chales Laurini.

As equipes vencedoras da fase municipal representarão Tangará da Serra na fase regional – que ainda não tem sede definida – no mês de julho. Depois, as equipes campeãs nos jogos regionais serão classificadas para participarem dos Jogos Escolares Mato-grossenses 2013. E as equipes campeãs da fase estadual são classificadas para os Jogos Escolares da Juventude Brasileiras – competição nacional.

Os Jogos Escolares são promovidos pelo Governo do Estado de Mato Grosso visando estimular a prática de esportes, a integração social e o intercâmbio cultural. Além disso, a competição também tem por objetivo promover a qualificação profissional dos professores, técnicos, dirigentes e árbitros participantes das fases regionais.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Tangará é potência no Karate, afirma Presidente da Federação

O Presidente da Federação de Karate Interistilos de Mato Grosso e presidente da Associação Olímpica de Karate, Antonio Felipe da Silva, esteve no Gabinete do prefeito, Fábio Martins Junqueira, acompanhado do secretário municipal de Esportes Charles Laurini.

Antônio Felipe, que é faixa preta 8º Dan, representou Tangará da Serra, Mato Grosso e o Brasil no 5º Mundial de Karatê Seniors e Veteranos realizado na cidade de Bucharest, na Romênia, onde foi campeão na categoria Kata de veteranos de 51 anos acima.

“Vim me apresentar ao prefeito e ao secretário, que apóiam o Esporte amador, e reportar que Tangará da Serra é potência nacional no Karate. Aonde vamos, trazemos medalhas. E o Município tem participado com ônibus (locomoção) nas competições realizadas dentro do Estado de Mato Grosso. O Município sempre tem colaborado”, afirma Antonio Felipe.

A competição foi realizada pela World Union of Karate-Do Federations (WUKF) com apoio do Comitetul Olimpic Român e do Ministerul Tineretului Sportului de 5 a 9 de junho. Na competição, Antonio Felipe, ainda conquistou o 4º lugar na categoria Kumite de 51 anos acima. A competição internacional reuniu mais de 500 atletas de 30 países, representando aproximadamente 50 confederações.

MAIS – O presidente da federação, Antonio Felipe, conta que agora Tangará da Serra se prepara para organizar a 27ª Copa Mato-Grossense de Karate Gojuriu que será realizada em setembro. “A copa será realizada pela Associação Olímpica de Karatê e Federação de Karate Interistilos, com apoio do Município e empresários locais”, explica.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Arraiá da Serra 2013 bateu todos os recordes de público

A 12ª edição do Arraiá da Serra ficará marcada principalmente pela quebra de todos os recordes de público. Segundo dados oficiais repassados pela Polícia Militar o evento realizado pela Prefeitura Municipal de Tangará da Serra recebeu em suas três noites de festa cerca de 60 mil pessoas.

Esse ano o Arraiá contou com uma novidade especial, foi promovido em novo local, o Módulo Esportivo, muito mais amplo e receptivo. O espaço foi asfaltado pelo Município para proporcionar melhores momento para o público presente.

Organizado pela Secretaria Municipal de Turismo e pelo Departamento de Cultura, o Arraiá é considerado um grande sucesso. “Tudo aconteceu como esperado. Organizamos uma festa popular que recebeu todos os públicos, isso foi o que nos deixou mais satisfeitos”, destacou a Secretária de Turismo, Hiara Hernandes.

O Prefeito Fábio Junqueira prestigiou as três noites de festa. Na sexta-feira realizou a abertura do evento e subiu novamente ao palco no domingo para finalizá-lo. “Foi uma grande festa. Decidimos experimentar um novo local e por ser amplo e centralizado optamos pelo Módulo Esportivo. A população aprovou, nossas pesquisas comprovaram isso, o que nos deixou bastante satisfeitos. Nas três noites pudemos acompanhar famílias, jovens e até pessoas mais velhas participando da festa. A população também está de parabéns, pois nos prestigiou, comparecendo em massa”, salientou Junqueira.

Fonte: Assessoria de Imprensa

BPW realiza 2ª Conferência Regional “Mulheres Empreendedoras”

O evento teve inicio na manhã deste sábado (15), na sede da OAB e terminou na parte da tarde após a realização de palestras com temas que abordam as finanças e investimentos, qualidade de vida, caminhos a serem seguidos e o perfil do empreendedorismo.

Luciana Vieira, Presidente da BPW de Tangará da Serra, destaca que o objetivo da realização das palestras é fornecer novidades, atrações, garantindo então que as mulheres estejam por dentro do que acontece no mercado: “O que a gente quer é trazer o melhor conhecimento para todas”, diz.

Business Professional Women

A BPW é uma ONG – organização não governamental, de âmbito mundial, presente em mais de 150 países. Segundo a presidente o objetivo maior é fomentar as mulheres no mercado de trabalho.

Luciana explica que neste evento compareceram os mais diversos perfis que compõem a organização:

“Nós estamos hoje, representadas aqui, por várias empresárias e também por aquelas que ainda não possuem o seu negócio”, diz destacando ainda que o comum entre todas é sempre o “perfil do empreendedorismo”.

A presidente da BPW Tangará da Serra afirmou ainda que as palestras apresentadas, a exposição e comercialização de produtos no local fazem-se no mesmo modelo de uma feira de negócios, oportunizando a todos os presentes o conhecimento e a troca de experiências.

Segundo ela, é importante este tipo de valorização, porque especialmente em Tangará da Serra, as mulheres possuem vontade de aprender e de trabalhar.

Avaliando o evento, Luciana relembra a busca pela perfeição: “Perfeição a gente sabe que não existe, mas, quanto mais bem atendidas as mulheres forem, melhor”, diz agradecendo à todas aquelas que compareceram e ajudam a organização a desempenhar bons trabalhos no município.

Fonte: Redação RP

Projeto que prevê passe livre para estudantes já tramita na Câmara de Tangará

O Vereador Professor Sebastian Ramos concedeu entrevista ao programa O Povo no Rádio da Pioneira nesta 6ª-feira. Na oportunidade confirmou que já tramita na Câmara de Vereadores de Tangará da Serra um projeto, visando a conquista do passe livre para os estudantes. “Uma das idéias que lançamos durante a campanha eleitoral foi a de defender a bandeira dos estudantes. Entre os passos já dados, está o Passe Livre para os estudantes. É um sonho meu como professor. E aqui este projeto já está em tramitação na Câmara, visando passe livre para todos os estudantes do ensino fundamental ao ensino Médio”, disse Sebastian, destacando que no estado de Mato Grosso a única cidade que hoje oferece este benefício é a capital Cuiabá, há mais de 10 anos.

“Aqui em Tangará estamos empunhando esta bandeira em nome de todos aqueles que precisam do transporte público. No plano de governo do atual prefeito consta que uma das metas dele é fazer parceria com a Universidade Pública para que isto se torne verdade”, afirma Sebastian.

A proposta é de que se dê 100 % do valor do passe, o que certamente demandaria subsídio com recursos públicos. O vereador disse estar ciente da polêmica que o projeto causa. “De repente para alguns este assunto não tem relevância. Mas se perguntarmos aos universitários que todos os dias vão do centro da cidade até a Universidade, eles com certeza se dirão interessados”, afirmou.

O assunto deverá entrar também na pauta de discussões da Audiência pública sobre transporte coletivo que a própria câmara de Vereadores organiza para o próximo dia 20, nas dependências da OAB a partir das 19:30 horas.

SUGESTÕES - O vereador informou também que já enviou sugestões à SINFRA em relação a este tema. “Queremos que sejam inseridas como exigências no edital que será publicado visando contratar a empresa de prestação deste serviço a acessibilidade, cursos periódicos para os motoristas que dirigem estes ônibus, cinto de segurança e condicionador de ar nos veículos”, disse.

DROGAS – A discussão em torno deste tema está sendo proposta pelo gabinete do vereador para a Semana Nacional Contra as Drogas, realizada em todo o Brasil de 19 a 26 de junho. Será o 1º Simpósio de Prevenção contra as drogas, que acontece no ia 24 de junho às 19h00min horas, no auditório do Centro Cultura. “Preocupado com as drogas no município, eu como professor, conheço de perto esta realidade. Tenho visitado as casas de recuperação e acompanhado isso tudo. Daí, a preocupação. Peço que a população, estudantes e professores participem”, convida o Vereador Sebastian.

Fonte: Redação RP

Tangará da Serra: Iniciado com sucesso o Arraiá da Serra

A festa é tradicional e acontece em sua 12ª Edição, no espaço conhecido como Módulo Esportivo. Com concurso de quadrilhas e 25 barracas de comidas típicas, o público que compareceu na noite desta sexta-feira aproveitou muitas atrações.

Satisfeito com a presença de público, o prefeito disse estar feliz com a realização do evento. “Eu estou muito feliz de poder iniciar a festa aqui no Módulo Esportivo. Ele é um local de eventos que foi adquirido há muitos anos pelo município. Tem aqui dois ginásios de esportes e um espaço muito amplo que pode ser otimizado. Eu estou muito feliz com a participação da população que veio já numa sexta-feira. Esperamos que valorizem o trabalho das escolas que estão se apresentando também. Queremos que todos participem da festa””, afirmou Fábio Martins Junqueira.

Para que o evento acontecesse no Módulo Esportivo, a Sinfra organizou o espaço, colocando lama asfáltica no pátio, inclusive. As Secretarias de Cultura e de Turismo unidas organizaram o evento. “ Este espaço sempre poderá ser utilizado, tanto para eventos esportivos, quanto para outros eventos culturais e sociais. Este espaço vinha sendo sub-utilizado. Não incomoda muito a população porque há muitas empresas nos arredores aqui, que a noite não funcionam, espaços como escolas, espaços vazios, o que minimiza o incômodo para a população local. No ano que vem melhoraremos o local com iluminação inclusive”, explicou o prefeito.

O Secretário Municipal de Esportes, Charles Laurini, que também se fez presente na primeira noite do evento disse estar realizado por ver o espaço ocupado por pessoas. “Estamos muito felizes porque conseguimos colocar pessoas aqui dentro. Porque este espaço existe para ser utilizado pelas pessoas”, disse.

SHOWS – Além de shows locais, o evento conta com a presença do DJ Djalma e neste sábado e domingo a Banda Sandokan, do Paraná se apresenta no espaço. O concurso de quadrilhas prossegue também neste sábado e domingo.

Fonte: Redação RP

Arraiá da Serra começa nesta sexta-feira

Começa nesta sexta-feira, 14 e encerra no domingo, 16, a 12ª edição do Arraiá da Serra, festa que já é tradição em Tangará da Serra. Esse ano o evento acontecerá em um espaço muito mais amplo do que em edições anteriores – no pátio do Módulo Esportivo.

A realização da festa no Módulo foi uma decisão tomada pela Secretaria Municipal de Turismo com base em estudos realizados para se encontrar um local adequado que pudesse abrigar o grande público que sempre comparece aos eventos do Município.

Como a Praça dos Pioneiros foi objeto de solicitação para não utilização para realização de eventos públicos tais como festas voltadas à população em geral, buscou-se, segundo a secretária, uma outra alternativa. “Encontramos uma solução caseira, um espaço do Município, que é o Módulo Esportivo, muito melhor de se utilizar, mais amplo e seguro do que qualquer outro espaço público”, explicou Hiara Hernandes.

O local passou por uma reestruturação completa. A Secretaria de Infraestrutura, chefiada pelo Engenheiro Chico Clemente, asfaltou todo o pátio para o evento. “Dessa forma o público poderá prestigiar com muito mais comodismo e tranqüilidade a festa, sem poeira para atrapalhar”, destacou Clemente.

O LOCAL – O Prefeito Fábio Junqueira esteve na quarta-feira, 12, no Módulo Esportivo acompanhando a conclusão do asfaltamento do local e avaliou o trabalho de forma positiva. “Tanto a Sinfra quanto o Turismo e a Secretaria de Esportes que trabalharam em conjunto para a execução dessa importante obra estão de parabéns. O Arraiá da Serra será um grande evento”, salientou Junqueira.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Esportes realiza congresso técnico dos Jogos Escolares nesta quinta

A Secretaria Municipal de Esportes realiza nesta quinta-feira, dia 13, o Congresso Técnico da 9ª edição dos Jogos Escolares Mato-Grossenses - Fase Municipal. O congresso será realizado na sede da Assessoria Pedagógica, ao lado da Escola Estadual 29 de Novembro, a partir das 16h, quando será realizado o sorteio das chaves dos jogos.

A abertura da fase municipal dos jogos escolares será realizada no próximo dia 18, na Vila Olímpica, às 8h da manhã com a presença do prefeito Fábio Martins Junqueira (PMDB) e do secretário municipal de Esportes, Charles Laurini. A organização do evento também conta com apoio da Secretaria de Estado de Educação e Cultura (Seduc), através da Assessoria Pedagógica, e da Secretaria Municipal de Educação e Cultura (Semec).

No total participarão 24 escolas (municipais, estaduais e particulares) de Tangará da Serra. São mais de 900 atletas inscritos. A competição começa no dia 18 de junho, com duração de dez dias, quando serão realizados mais de 180 jogos nas modalidades: Basquete, Handebol, Vôlei e Futsal, masculino e feminino.

COMPETIÇÃO - O coordenador dos jogos, professor Carlos Valmir Marques, conta que a disputa entre as escolas inscritas é intensa já que as equipes vencedoras da fase municipal representarão Tangará da Serra na fase regional – que ainda não tem sede definida – no mês de julho.

Mas não pára por aí. As equipes campeãs nos jogos regionais serão classificadas para participarem dos Jogos Escolares Mato-grossenses. Nesta fase participarão equipes que venceram nas fases municipais e regionais. E as equipes campeãs da fase estadual são classificadas para os Jogos Escolares da Juventude Brasileiras – competição nacional.

OBJETIVOS - Os Jogos Escolares são promovidos pelo Governo do Estado de Mato Grosso visando estimular a prática de esportes, a integração social e o intercâmbio cultural. Além disso, a competição também tem por objetivo promover a qualificação profissional dos professores, técnicos, dirigentes e árbitros participantes das fases regionais.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Audiência Pública para discussão do PPA e LDO recebe público recorde

A audiência pública para discussão popular do Plano Plurianual (PPA) 2014/2017 e da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de Tangará da Serra recebeu o maior público já registrado na última década, de acordo com os dados repassados através os registros de coleta de presenças.

Ocorrida no Centro Cultural Pedro Alberto Tayano Filho na noite de quarta-feira, 05 de junho, a audiência contou com a participação do Prefeito Fábio Martins Junqueira, que também apresentou aos presentes, dados relativos ao tema.

Sobre a participação popular na audiência pública, Junqueira considerou. “Estamos começando a reverter um processo de apatia, em que se participavam poucas pessoas e estamos revertendo esse quadro, buscando a participação popular. Foi uma participação significativa. Através dos registros de coleta de presenças concluiu-se que essa audiência reuniu o maior número de pessoas participando nessa última década. Isso nos deixa muito orgulhosos”, destacou.

Junqueira destacou ainda. “O desenvolvimento do PPA é produto do esforço dos servidores públicos municipais, que estão elaborando o trabalho, coletando dados. Esse é um trabalho sério e compenetrado”, pontuou o Prefeito.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Departamento de Cultura realiza 1ª Conferência Intermunicipal

A 1ª Conferência Intermunicipal de Cultura será realizada nesta quarta-feira, dia 12, no Centro Cultural Pedro Alberto Tayano em Tangará da Serra. Do evento participarão representantes de Tangará da Serra, Barra do Bugres, Brasnorte, Campo Novo do Parecis, Diamantino, Nova Olímpia, Porto Estrela e Sapezal e Nova Marilândia. 

De acordo com a chefe do Departamento de Cultura da Secretaria Municipal de Cultura de Tangará, Traudi Hoffmann, a participação dos agentes culturais na conferência intermunicipal está no fato de que o evento faz parte da etapa municipal da 3ª conferência Nacional de Cultura. 

Diante disso, e na perspectiva de ampliar o processo democrático e a representatividade na conferência estadual e depois na conferência nacional, é necessário que os os agentes culturais se façam presentes. “Salientamos a importância da presença do maior número de participantes no evento para conseguirmos eleger um número expressivo de delegados, a fim de representar a região na conferência estadual de cultura bem como, da federal”, afirma Traudi. 

REPRESENTATIVIDADE - A definição do percentual de representantes, conforme modelo definido pela Conferência Nacional, é de eleição de 5% dos integrantes presentes na conferência como delegados.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Convênio com CREA-MT amplia fiscalização em Tangará

O alcance da fiscalização do Município de Tangará da Serra foi ampliado esta semana. A partir de agora quem estiver construindo ou reformando e se regularizar apenas junto ao Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso (CREA-MT) também terá os dados de sua obra informados diretamente ao Município. A medida faz parte das obrigações mútuas assumidas em convênio assinado nesta segunda-feira, dia 10, pelo prefeito Fábio Martins Junqueira (PMDB) e pelo presidente do conselho, Juarez Silveira Samaniego.

De acordo com o prefeito, o convênio é necessário diante da prática comum de buscar o CREA-MT para a obtenção da Anotação de Responsabilidade Técnica (ART), sem que a regularização seja realizada junto ao Município. A ART é um contrato entre profissional e proprietário da obra, em que constam dados do proprietário da obra, da obra, do profissional e dos serviços prestados. Agora, pelo que estabelece o convênio, haverá troca de informações referentes às obras e serviços técnicos realizados na área de abrangência do Município, em todas as suas fases, compreendendo alvarás, fiscalizações, irregularidades constatadas e embargos realizados.

Pelo acordo formalizado será viabilizado acesso mútuo de informações contidas nos sistemas informatizados, de maneira a integrar e agilizar a troca de dados cadastrais em geral, abrangendo dados sobre fiscalização de obras, licitações e serviços, cadastro de profissionais e empresas, anotações de responsabilidade técnica (ARTs), alvarás de construção, cadastro de pessoas físicas, cadastro nacional de pessoas jurídicas e coordenadas geográficas.

Com o convênio, CREA e Município, passam a ter acesso aos dados relativos às operações de fiscalização, o que permitirá a definição de uma sistemática de detecção de infrações a normas e condutas éticas nos projetos apresentados ao Município para a emissão de alvará de construção, e que estejam em desacordo com o termo de convênio firmado pelo profissional responsável técnico.

Outra medida prevista no convênio é a criação de um canal de comunicação permanente entre o CREA-MT e o Município de Tangará da Serra para a troca de informações e a proposição de ações fiscalizatórias conjuntas. E também poderão ser realizados eventos em parceria para a difusão de informações e cursos – em parceria – visando capacitar os profissionais de engenharia que submetem seus projetos para aprovação junto ao Município.

CUSTOS – Pelo que ficou acordado entre o Município e o CREA-MT, o convênio não representa custos para nenhuma das partes. A gestão operacional da parceria firmada ficará sob a responsabilidade conjunta de profissionais designados pelas partes, por meio de quem serão sanadas dúvidas e mantidos os contatos necessários à correta execução do convênio.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Miss Infantil: 3 meninas vão representar Tangará na etapa estadual

Foi realizado neste domingo no Tangará Shopping Center o desfile para a escolha das representantes de Tangará da Serra no Concurso Miss Infantil 2013. O concurso, organizado em Tangará por Aneliane Leite, sob a orientação do responsável pelo concurso no estado, Julio Cesar, reuniu participantes de 4 a 15 anos de idade, que disputaram em três categorias diferentes: 4 a 7 anos, 8 a 11 anos e 12 a 15 anos.

Foram eleitas para representar Tangará da Serra:

- Anny Caroline de Oliveira Silva – Miss Tangará categoria 12 a 15 anos
- Alice Tavares – Miss Tangará categoria 8 a 11 anos
- Emilly Prado Reese – Miss Tangará categoria 4 a 7 anos.

As três estão habilitadas a participarem da etapa estadual, para escolha da Miss Infantil Mato Grosso, que acontece na cidade de Sorriso no período de 14 a 16 de novembro/2013.

Nas três categorias foram eleitas também 1ª e 2ª princesas, Miss Fotogenia e Miss Simpatia. Confira o resultado:

Categoria 12 a 15 anos:

- 1º lugar: Anny Caroline de Oliveira Silva – Miss Tangará
- 2º lugar: Garielly Cruz Leite – 1ª Princesa
- 3º lugar: Elisena Vitoria Leite Matias – 2ª Princesa
- 4º Lugar: Mikelly Cristhina Pereira Bezerra – Miss Fotogenia
- 5º lugar: Danieli Lorrayne da Silva Missio – Miss Simpatia

Categoria 08 a 11 anos:

- 1º lugar: Alice Tavares – Miss Tangará
- 2º lugar: Luana Montolo da Silva – 1ª Princesa
- 3º lugar: Mariana Silva Marques Sampaio – 2ª Princesa
- 4º Lugar: Barbara Carolina Quintão Apolinário – Miss Fotogenia
- 5º lugar: Layane Freire Rodrigues – Miss Simpatia

Categoria 04 a 07 anos

- 1º lugar: Emilly Prado Reese – Miss Tangará
- 2º lugar: Maria Eduarda Leocadio Piana – 1ª Princesa
- 3º lugar: Isabela Valadarez Diniz – 2ª Princesa.
- 4º Lugar: Lara Miranda Barbosa – Miss Fotogenia
- 5º lugar: Yasmin Murpf – Miss Simpatia

Fonte: Redação RP

Morre o jornalista Marcos Coutinho, fundador e diretor do Grupo Olhar Direto

Morreu na madrugada deste domingo (9) o jornalista Marcos Coutinho, 47, fundador e diretor executivo do Grupo Olhar Direto. O jornalista passou mal e foi socorrido por um dos seus filhos, que tentou levá-lo ao hospital, mas Coutinho acabou falecendo em casa. Ele será velado na Capela Jardins, na sala das Orquídeas, a partir das 17h. Já o enterro será na segunda-feira, às 9h, no cemitério Bom Jesus de Cuiabá.

De acordo com o Instituto Médico Legal (IML), ele sofreu uma parada cardiorrespiratória - interrupção da circulação sanguínea que ocorre em consequência da interrupção súbita e inesperada dos batimentos cardíacos ou da presença de batimentos cardíacos ineficazes. 

Formado pela Universidade Metodista de São Paulo era considerado um dos profissionais mais polêmicos da comunicação de Mato Grosso e ícone no jornalismo investigativo. De família tradicional cuiabana, sua história profissional está intrinsicamente ligada à cobertura dos casos mais polêmicos do noticiário mato-grossense. Isso lhe proporcionou ter participação direta em duas finais regionais do Prêmio Esso de Jornalismo – veículo impresso Centro-Oeste, fato raro para quem atua em Cuiabá. 

Apontado por decanos como Jê Fernandes, Onofre Ribeiro e José Eduardo do Espírito Santo para o Sindicato dos Jornalistas de Mato Grosso (Sindjor) como o primeiro repórter investigativo da imprensa no ‘formato contemporâneo’, Marcos Coutinho se notabilizou com reportagens de fundo para os jornais ‘A Gazeta’ – o maior do Estado, e, depois, ‘Gazeta Mercantil’.

Com os amigos Auro Ida, Marcão Lemos e Ronaldo Pacheco, na segunda metade da década de 90, fundou o Sistema de Informação e Marketing (SIM), embrião do Mídia News, primeiro site noticioso de Mato Grosso, ainda em atividade, hoje sob direção do jornalista Ramon Monteagudo.

Coutinho também foi responsável pela criação e implantação da Secretaria de Comunicação da Câmara Municipal de Cuiabá, no atual formato, no ano de 1995, sob a gestão do então presidente Carlos Brito.

No começo dos anos 2000, fundou o site Olhar Direto com o amigo Mário Marques Almeida. Há três anos, fundou a mais estruturada sucursal de Brasília entre os veículos website de Cuiabá.

Porém, seu espirito empreendedor queria sempre mais. E, por isso, desde o ano passado, transformou o Olhar Direto num portal de notícias. Ele criou outros sites: Agro Olhar, Olhar Jurídico, Olhar Copa e Olhar Conceito. Por isso, possui a maior redação individual de um veiculo noticioso de Mato Grosso, gerando quase 30 empregos para jornalistas.

Marcos Coutinho deixa a esposa Maria Izabel Manfrin Coutinho Barbosa e três filhos – Matheus Coutinho (23), Lucca Coutinho (20) e Joaquim Coutinho (17). “Desejo que Marcos seja lembrado profissional dedicado e pai de família exemplar”, define a mulher Izabel Coutinho.

Da Redação - Ronaldo Pacheco/Lucas Bólico/ Katiana Pereira

Polícia Militar apresenta índices da criminalidade ao Prefeito de Tangará

O prefeito de Tangará da Serra, Fábio Martins Junqueira, recebeu em audiência em seu gabinete o comando da Polícia Militar que atua no Município. O objetivo do encontro foi a apresentação de dados referentes à criminalidade na cidade, considerada pela PM como relevantes.

Ao Chefe do Executivo o Coronel PM Ribeiro de Morais informou os índices da criminalidade e pediu ao Gestor colaboração na tentativa de pontuar ao Estado a necessidade de aumentar o efetivo que atua em Tangará da Serra. “Entendemos essa demanda como uma necessidade urgente, que carece de uma solução imediata”, salientou Junqueira.

De acordo com os dados apresentados pelo Coronel ao Prefeito, em Tangará exite apenas um policial para cada montante de 800 pessoas. “Ou seja, é um PM por 800 habitantes segundo as estatísticas do Comando. A diferença é gritante e o trabalho, sem dúvida, fica impossibilitado de acontecer a contento geral da sociedade”, frisou o Prefeito.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Primeira Dama e Secretária visitam indígenas da Aldeia Formoso

Os indígenas da Aldeia Formoso, região de Tangará da Serra, receberam a visita da Primeira Dama do Município, Helena Simões Matias Junqueira e da Secretária Municipal de Turismo, Hiara Hernandes. O objetivo da visita foi discutir com as lideranças da aldeia projetos de divulgação turística do lugar.

A Aldeia Formoso é um dos mais conhecidos pontos turísticos de Tangará da Serra. As belezas naturais do locais, aliadas ao fato de ali ser uma reserva indígena, fazem do lugar um dos pontos mais requisitados dos turistas que vão a Tangará.

De acordo com a Secretária Hiara Hernandes, além de debater com os indígenas a questão turística, a visita foi importante para observar as condições existentes até a chegada de turistas no local. “Verificamos que as estradas estão em boas condições e que a infraestrutura do lugar é adequada”, disse.

A Primeira Dama, Helena Junqueira, representou o Prefeito Fábio Junqueira na visita e constatou a importância do ponto turístico que é a Aldeia Formoso. “Esse lugar é uma maravilha da natureza. Não é a toa que turistas de diversas partes do país vêm a Tangará com o desejo de conhecer a aldeia”, afirmou.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Vereador Luiz Henrique volta a sugerir diálogo entre Sindicato dos Servidores e o Executivo

A fala foi feita em entrevista ao programa O Povo no Rádio da Pioneira nesta 6ª-feira (07). O presidente do Legislativo afirmou que o clima que está instalado no município não agrada. Ele lembrou que há 10 dias havia sugerido empenho no diálogo porque estava ciente da situação. “Naquele momento quando houve manifestações na Câmara por parte de servidores descontentes com a reposição de 5% oferecida pelo projeto de lei do Prefeito e em função do acordo anterior de que seria de 7% esta reposição, já vimos que o clima estava complicado e sugerimos o diálogo”, lembrou o vereador.

Ele disse que esperava que um novo compromisso fosse fechado entre o Sindicato e o Executivo, cada um respeitando as dificuldades do outro. “Eu acreditava nisso, inclusive sugeri isso porque, de forma alguma, queremos que greves sejam instaladas ou que elas perdurem. São direitos previstos na legislação para os servidores, manifestarem-se por meio da greve, mas o que queremos é que todos estejam trabalhando satisfeitos e que o município possa prestar os melhores serviços. Foi o que não ocorreu”, declara Luiz Henrique.

BUSCA POR SOLUÇÕES – A solução para o impasse da greve que tem causado inúmeros transtornos à população tangaraense passa necessariamente pelo diálogo. “Volto a dizer, o problema já está instaurado e nós precisamos buscar soluções. E não existe outra solução que não a de sentar novamente Prefeito e Sindicato para recompor o compromisso que foi firmado lá atrás e que não pode ser cumprido por parte do prefeito. É importante que ele venha para o Sindicato e reconsidere novos ajustes. Eles precisam discutir isso”, reafirmou o presidente do Legislativo.

ÂNIMOS EXALTADOS E INSEGURANÇA – O presidente da Câmara destacou que é preciso empenho para evitar o clima de insegurança na cidade. “Não podemos criar um clima de insegurança jurídica, de insegurança institucional, de insegurança inclusive de todos os envolvidos. Ainda que os ânimos estejam exaltados nós precisamos fazer com que cada um respeite o direito de cada um. Não podemos admitir que haja nenhum tipo de violência. Os servidores precisam se manifestar pacificamente, cumprir com o que a lei obriga, respeitar as pessoas que estão trabalhando, até porque a própria imprensa ao cobrir o fato está publicando suas insatisfações. É importante informar, até para tranqüilizar a população”, diz o vereador.

A Câmara de Vereadores tem sido procurada por populares buscando informações sobre o funcionamento ou não de escolas e setores de atendimento na área da saúde. “A preocupação é geral, é nossa também, mas a única saída realmente é o prefeito que está em viagem, voltando, sentar com o sindicato, desligarem os celulares e discutirem a questão. Inclusive a Câmara está à disposição, para acompanhar, para mediar, para construir este acordo, porque o que importa é o melhor serviço ser prestado à população e que os servidores possam também ser ouvidos. Sabemos que o maior patrimônio das empresas é o capital humano e ele bem motivado, bem qualificado e recebendo em dia vai prestar o melhor serviço”, finaliza Luiz Henrique.

A GREVE - A greve desencadeada pelo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Tangará da Serra nesta quinta-feira (06) tem sido pano de fundo para muitos acontecimentos, entre os quais a agressão a uma equipe da Rede Record, durante manifesto público em frente à Praça da Prefeitura. Enquanto algumas escolas já informam à população o retorno à normalidade nas atividades a partir de segunda-feira (10), o Sindicato mantém a greve por tempo indeterminado e a expectativa é de que o Executivo Municipal peça na Justiça a ilegalidade do movimento conforme já adiantado pelo Prefeito Fábio Junqueira que se encontra em viagem a Brasília devendo retornar no final de semana.

Fonte: Redação DS

Unidades de Saúde passarão por reformas e ampliações

Oito unidades de saúde de Tangará da Serra passarão por reformas e ampliações a partir dos próximos dias. A informação foi repassada ontem pela Secretária Municipal de Saúde, Helena Maria Cavalini, ao destacar que serão mais de R$ 1,2 mi investidos, sendo desses R$ 400 mil oriundos do Ministério da Saúde (recurso disponível na conta desde 2011) e R$ 800 mil de contrapartida do município.

“O objetivo do município com essas ampliações e reformas é tratar o cliente SUS e a população de Tangará da Serra com respeito, qualidade, carinho e mostrar que o que é público tem que ser bom”, destaca, ressaltando que o trabalho deve iniciar já na próxima semana, assim que a mudança do prédio das unidades ocorrer. “Se nada ocorrer, semana que vem iniciaremos o trabalho de reforma e ampliação. Mas tudo será avisado com antecedência para a população, dessa mudança de local para atendimento”.

Passarão por uma total ampliação os postos satélites do Alto da Boa Vista, Santa Lúcia e Progresso. “Após isso iniciaremos com o pedido para transformar esses postos em Unidades de Saúde da Família, representando assim um aumento de serviços e atendimento a população”. Já as unidades da Vila Nazaré, Araputanga, Tangará II, Jardim Presidente e Cohab Tarumã passarão por uma reforma completa, além de pequenas ampliações.

Somente da unidade básica de saúde do Progresso, por exemplo, a ampliação será o dobro da existente. Naquela localidade o prédio atual tem 110 metros quadrados e ganhará uma área de 142,63 metros, totalizando 253,58 metros quadrados após o término da obra.
Ainda de acordo com a secretária, o prazo para término da obra será de 120 dias, após recebimento da ordem de serviço. Porém, há um impasse quanto a mudança dessas unidades para um novo local durante esse período, devido ao período de vacinação contra a paralisia que se inicia no próximo sábado. “Por isso gostaríamos de, desde já, pedir a compreensão da população para esse momento de mudança, que é de bastante preocupação para nós, e que assim possam estar colaborando e entendendo que essa mudança de local de atendimento será por apenas alguns meses até que possam voltar para uma unidade de saúde mais arrumada e pronta para atender a todos”.

Três novos projetos foram protocolados no Ministério

Além da preocupação quanto ao início dos trabalhos de reforma e ampliação nessas oito unidades de saúde, a Secretaria Municipal de Saúde de Tangará da Serra trabalhou ainda nesta semana para finalizar e protocolar três novos projetos no Ministério da Saúde.

Segundo a Secretária Municipal de Saúde, Helena Maria Cavalini, o município pleiteia junto àquela pasta recursos para a construção de duas novas unidades de saúde para atender a população dos bairros Morada do Sol e Altos do Tarumã, e ainda recursos para a ampliação da Unidade de Saúde da Família do Jardim Santa Isabel.

“Os três projetos já foram protocolados e estamos agora na espera da aprovação”, disse a secretária, destacando que esses são planos para serem executados em 2014. “Nosso objetivo é que até 2016, 70% da cidade já esteja coberta com as unidades de saúde”.

Além desses trabalhos na área da saúde, o município está ainda trabalhando na conclusão do Centro Cirúrgico do Hospital Municipal Arlete Cichetti de Brito (antiga Unidade Mista) e com a implantação da UPA no mesmo local.

Fonte: Redação DS

Dia dos Namorados: comércio ficará aberto até as 18h deste sábado em Tangará da Serra

O comércio de Tangará da Serra ficará aberto até as 18h deste sábado. O objetivo é fazer com que os casais de namorados não esqueçam a data comemorativa [12 de junho].

O presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Tangará (SINCOVATAN), Pedro Galli, convida a população para visitar o comércio neste sábado e principalmente os casais, para comprar o presente da data comemorativa. “Como o comércio ficará aberto até as 18h não vai ter desculpa do namorado ou namorada comprar o presente”, fala.

Em datas comemorativas, de acordo com o presidente, o comércio prepara seu estoque e como é de praxe todo o ano tem a permissão de abrir seu estabelecimento aos sábados após o meio dia. “A convenção trabalhista feita entre o Sindicato dos Empregos no Comércio em Geral (Secgts) e o Sindicato Patronal, são acordos que fazemos para que aumente a renda do funcionário e que o patrão também tenha um movimento extra durante o mês e ano. E ainda possamos atender o pessoal de toda a região; que é rica e trabalhadora” frisa.

Fonte: Redação RP